Sem Everaldo, Chape tenta se superar contra o Ceará para encerrar jejum

Artilheiro com sete gols, atacante é responsável por metade dos gols do time no Brasileirão

por Agência Futebol Interior

Chapecó, SC, 09 - Sem vencer há sete jogos no Brasileirão, a Chapecoense tentará encerrar o jejum neste sábado, quando abre a 14ª rodada em duelo contra o Ceará, no Castelão, a partir das 17 horas. Além da dificuldade de jogar na casa do rival, o time comandado por Emerson Cris terá que se superar para fazer o ataque funcionar. Isso porque o artilheiro Everaldo, responsável por metade dos gols marcados pela equipe na competição, está suspenso e não vai para o jogo.

Depois do empate por 3 a 3 com o Grêmio, em Porto Alegre, a Chapecoense somou o décima ponto e subiu uma posição na tabela, mas ainda está dentro da zona de rebaixamento, em 17º lugar. A distância para o Fluminense, primeiro time fora do Z4, é de apenas dois pontos. Adversário da vez, o Ceará está mais acima, em 11º lugar, com 17.

Foto: Divulgação / São Paulo
Foto: Divulgação / São Paulo
A principal mudança do time catarinense para o confronto será a presença de Henrique Almeida, escolhido para a difícil missão de substituir Everaldo, autor de sete dos 14 gols da Chape no Brasileiro. Esse será apenas o segundo jogo de Henrique, que estreou no empate sem gols com o Bahia, na 12ª rodada.

Outra novidade é o retorno do zagueiro Douglas, recuperado de uma lesão muscular. Apesar de ter sido relacionado, a tendência é que ele comece o jogo no banco de reservas. Com isso, Maurício Ramos deve ser mantido no time titular, formando a dupla de zaga com Gum.

O time deve ir a campo com Tiepo; Eduardo, Gum, Maurício Ramos e Bruno Pacheco; Márcio Araújo, Gustavo Campanharo, Augusto e Camilo; Arthur Gomes e Henrique Almeida