Conselho da Chapecoense veta mando de campo contra Flamengo e Corinthians

A equipe busca outras soluções para remediar a situação financeira e deve buscar empréstimos

por Agência Futebol Interior

Chapecó, SC, 20 (AFI) – Passando por dificuldades financeiras, a Chapecoense cogitava vender os mandos de campo das partidas contra Corinthians e Flamengo, pelo Campeonato Brasileiro, mas a ideia foi vetada pelo Conselho Deliberativo.

Na reunião, ficou decidido não apenas que a venda do mando para essas duas partidas fosse vetada, mas também que a medida seja proibida em qualquer outro jogo na atual temporada.

Entre as principais preocupações dos conselheiros presentes à reunião estava a questão financeira do clube, que poderia ser remediada com a venda de mando, mas optou-se pro priorizar as chances de sucesso dentro de campo.

Visto que a Chapecoense briga contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro, a opção foi por manter os jogos na Arena Condá, onde o time catarinense tem mais chances de conquistar resultados positivos.

Por outro lado, o Conselho acenou a favor de outras medidas para reequilibrar as contas como adquirir empréstimos utilizando direitos federativos de jogadores da base e outros ativos do clube como garantia.