Desfalcada, Chape aposta no fator casa para superar Vitória no Brasileirão

O duelo deste domingo será entre duas equipes que lutam contra o rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Chapecó, SC, 12 (AFI) - O técnico Guto Ferreira finalizou a preparação para encarar o Vitória, um adversário direto na briga contra o rebaixamento. Sem poder contar com Márcio Araújo e Elicarlos, Doffo aparece como a principal novidade da equipe, que também mudou nas laterais com as entradas de Marcos Vinícius e Alan Ruschel. Bruno Pachedo e Eduardo estão suspensos.

Espaço incorporado por HTML (embed)

“O que mais a gente espera fazer é trabalhar bem. Vamos entrar com uma equipe bastante alterada. Mudanças nas laterais e no meio, onde perdemos Márcio Araújo e Elicarlos. Mas contra o Atlético o meio já se encontrou. Todo mundo sabe o que tem que fazer dentro de campo. A gente tenta acelerar o processo de entrosamento, mas o resto os jogadores sabem muito bem”, falou o treinador

A escolha por Doffo coloca Diego Torres como opção no banco de reservas. Guto Ferreira afirmou que o jogador ainda está adaptando ao futebol brasileiro, por isso perdeu a vaga entre os titulares. O treinador espera também um jogo duro contra o Vitória.

Chapecoense espera casa cheia na Arena Condá
Chapecoense espera casa cheia na Arena Condá

“Todos os jogos da Chapecoense tem sido especiais. Existe uma concorrência pelo lugar da tabela, mas independente do adversário tem que somar ponto. De preferência, vencendo. Vamos procurar fazer o nosso melhor e Deus queira que a gente consiga dentro de casa conquistar mais um grande triunfo”, disse Guto Ferreira.

A Chapecoense começa a rodada fora da zona de rebaixamento. O time catarinense é o 16º colocado, com 31 pontos, contra 29 do Vitória, 18º.

O provável time da Chapecoense tem: Jandrei, Marcos Vinícius, Rafael Thyere, Douglas e Alan Ruschel; Amaral, Barreto e Yann Rolim; Doffo, Vinícius e Leandro Pereira.

 
 
" />