Guto Ferreira lamenta 'erro capital' contra Chape e fala sobre justiça no futebol

O Verdão sofreu na capital pararaense e saiu de lá com um empate por 1 a 1

por Agência Futebol Interior

Chapecó, SC, 06 (AFI) - O técnico Guto Ferreira lamentou o empate por 1 a 1 diante do Paraná na noite desta quarta-feira, no Durival Britto, em duelo direto na luta contra o rebaixamento. O treinador criticou o erro capital do árbitro no lance de Capixaba dentro da área e falou sobre justiça no futebol.

"Vi o tapee eles reclamaram de toque no Elicarlos, mas no vídeo não consegui ver. Eu, por exemplo, não reclamaria daquele lance. Tiveram alguns erros, normais, mas o lance do Capixaba foi capital, lance de pênalti. Carrinho dentro da área, colocou em risco, e ele não toca na bola, quem toca é o Capixaba, ele arrasta tudo", falou Guto Ferreira, que completou.

"É difícil falar de justiça no futebol. Justiça é o resultado. Tem que ter competência para colocar a bola para dentro. Criamos mais do que o Paraná. A gente merecia, mas eles fizeram um gol e nós também, por isso o jogo acabou empatado."

Guto Ferreira lamentou a derrota para Chapecoense - Reprodução/Chapecoense
Guto Ferreira lamentou a derrota para Chapecoense
MAIS DE GUTO
O empate não foi bom para nenhuma das equipes, que seguem nas últimas posições do Brasilierão. A Chapecoense está na 19ª posição, com 22 pontos, apenas na frente do Paraná, com 16.

"Nós tivemos o controle do jogo até os 30 minutos. Nossa maior dificuldade foi na bola parada. A saída do Leandro baixou a estatura do nosso time. O Paraná tem bons batedores. Com a bola em movimento, o adversário não criou situações. Fizemos várias jogadas de qualidade, após as substituições. Marcamos e tivemos perto de virar o jogo", completou o treinador.

“A gente começa a ter um volume de jogo interessante no terço ofensivo, com força, com velocidade, com infiltração de toques rápidos, coisas que não vinha tendo. A entrada do Marquinhos e do Capixaba agregou esses valores a equipe”, finalizou.

 
 
" />