Italiano: Torino convida Chapecoense para amistoso em julho, na Itália

O objetivo do time italiano é usar o amistoso para apresentar a equipe para a nova temporada europeia

por Agência Estado

Chapecó, SC, 11 - A Chapecoense revelou nesta quarta-feira um convite formal do Torino para um amistoso que seria realizado no fim de julho, na Itália. O time brasileiro diz aguardar liberação da CBF, por causa da disputa do Brasileirão, para poder confirmar o duelo no Estádio Olímpico Grande Torino.

"A Chapecoense, por sua vez, afirma a felicidade em ter recebido o convite e demonstra profundo interesse em participar da partida. O clube, no então, depende de autorização da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para confirmar presença no amistoso", afirmou o clube catarinense, em comunicado.

O plano do Torino é realizar o jogo no dia 28 de julho, o que coincidiria com a 16ª rodada do Brasileirão. No fim de semana mencionado, a Chapecoense enfrentará o Grêmio, na Arena Condá. Na rodada anterior, no meio de semana, o time catarinense visitará o Botafogo, no Rio de Janeiro.

Torino convida Chapecoense para amistoso em julho, na Itália
Torino convida Chapecoense para amistoso em julho, na Itália

O objetivo do time italiano é usar o amistoso para apresentar a equipe para a nova temporada europeia, que terá início em agosto. O jogo, portanto, faria parte da pré-temporada do Torino.

A relação entre Chapecoense e Torino teve início no ano passado, quando o Torino fez homenagens às vítimas da tragédia aérea ocorrida na Colômbia. O clube italiano até criou uma camisa comemorativa de cor verde para lembrar as 71 vítimas do acidente aéreo, ocorrido em novembro de 2016. O dinheiro arrecadado com a venda da camisa especial seria revertida para as famílias das vítimas.

As homenagens do Torino não foram por acaso. O clube também passou pelo trauma de um acidente aéreo, em 1949, quando 31 pessoas, sendo 18 jogadores, morreram numa tragédia de avião. A delegação do time italiano voltava para casa após um amistoso com o Benfica, em Portugal.