Procurados, quatro treinadores dizem "não" para a Chapecoense

Eduardo Baptista, Roger Machado, Enderson Moreira e Jorginho não aceitaram a vaga deixada por Vinícius Eutrópio

por Agência Futebol Interior

Chapecó, SC, 12 (AFI) - A diretoria da Chapecoense continua em busca de um substituto para Vinícius Eutrópio, principalmente depois de ouvir "não" de Eduardo Baptista, Roger Machado, Enderson Moreira e Jorginho. Enquanto isso, os jogadores se preparam para o primeiro jogo das oitavas de final da Copa Sul-Americana, contra o Flamengo, nesta quarta-feira, às 19h15, na Arena Condá.

"Nós não temos prazo. Já temos o grupo montado para a sequência do trabalho e esse grupo pode ficar até mais dias do que o previsto. Estamos trabalhando com os pés no chão, para contratar quem achamos ser o ideal para a Chapecoense", disse o presidente Plínio David Nês Filho.

Eduardo Baptista foi um dos treinadores que rejeitaram a proposta da Chapecoense
Eduardo Baptista foi um dos treinadores que rejeitaram a proposta da Chapecoense
Enquanto o novo treinador não é definido, o auxiliar Emerson Cris é quem assume a Chapecoense de forma interina. Ele comandou um treinamento com os portões fechados para a imprensa e praticamente definiu qual será o time que vai começar jogando contra o Flamengo.

Emerson Cris, que não vai poder contar com o lateral-esquerdo Roberto, o meia Seijas e o atacante Arthur Caíke - vetados pelo departamento médico -, tem apenas uma dúvida. Alan Ruschel começou a atividade como titular e no meio do treino foi substituído por Penilla.

A Chapecoense deve entrar em campo com: Jandrei; Apodi, Douglas Grolli, Fabrício Bruno e Reinaldo; Moisés Ribeiro, Mineiro, Canteros e Alan Ruschel (Penilla); Wellington Paulista e Túlio de Melo.

aaa