Corpo de Bombeiros diz que CTs de Fortaleza e Ceará estão irregulares

O Ministério Público do Ceará só vai se pronunciar sobre as medidas que serão tomadas em relação aos CTs quando receber uma notificação

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 13 (AFI) - A tragédia que resultou na morte de dez jogadores da base do Flamengo após incêndio no Ninho do Urubu na última sexta-feira ligou o sinal de alerta em todo o Brasil. E na capital cearense não foi diferente.

Nesta quarta-feira, o Corpo de Bombeiros do Estado divulgou que os Centros de Treinamentos dos três principais clubes cearenses - Fortaleza, Ceará e Ferroviário - não atendem as normas de precaução contra incêndio e por isso apresentam riscos.

O CT do Fortaleza, em Maracanaú, não possui sequer um projeto de segurança
O CT do Fortaleza, em Maracanaú, não possui sequer um projeto de segurança
O Ministério Público do Ceará (MP-CE) só vai se pronunciar sobre as medidas que serão tomadas em relação aos Centros de Treinamentos quando receber uma notificação do Corpo de Bombeiros do Estado.

O CT do Fortaleza, em Maracanaú, é o que está em piores condições, pois não possui sequer um projeto de segurança. O CT do Ceará não fica muito atrás, mas pelo menos tem esse projeto de segurança. Já o CT do Ferroviário atende alguns pontos das normas de segurança, mas não de forma completa.

Nesta semana, diversos CTs dos clubes brasileiros estão recebendo visitas do Corpo de Bombeiros e alguns deles, inclusive, já foram interditados.

 
 
" />