Clube do Brasileirão dará férias aos jogadores até o final de abril

Há possibilidade de redução salarial de até 25% no período

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 25 (AFI) - Os jogadores do Ceará não estão mais obrigados a treinar em casa durante a paralisação da pandemia do coronavírus. A diretoria do Vozão resolveu dar férias a todos até 20 de abril. O retorno, se tudo der certo, será no dia seguinte.

As férias, porém, não são a única medida pensada pelo Ceará. Há possibilidade de redução salarial de até 25% no período. A proposta tem sido conversada com a Comissão Nacional de Clubes (CNC).

Enquanto isso, a diretoria trabalha nos bastidores. Ainda sem apresentar oficialmente o técnico Guto Ferreira, o Ceará espera fechar com cinco reforços, sendo três atacantes. E olha que o time já contratou Vitor Jacaré, do Caucaia, e Thiaguinho, do Barbalha, e só aguarda o fim do estadual para oficializa-los.

Guto Ferreira irá analisar. (Foto: Divulgação)
Guto Ferreira irá analisar. (Foto: Divulgação)
A ideia do Ceará é emprestar de dois a três jogadores para time de divisões menores, com a ideia de dar mais rodagens a esses atletas que não vem tendo muito espaço. Tudo isso, porém, passa pela chegada de Guto Ferreira.