Paulista A2: Após nova derrota, Catanduvense anuncia saída de técnico

O auxiliar técnico José Naves assumirá o cargo interinamente e ficará no banco no próximo jogo

por Oscar Silva

Catanduva, SP, 06 (AFI) – A derrota para a Ferroviária, por 3 a 0, na noite desta quarta-feira, culminou na saída do técnico Jorge Saran do Catanduvense. Após uma reunião realizada na manhã desta quinta-feira, o presidente Reginaldo Borges, o Alemão, confirmou a troca de comando para a sequência do Campeonato Paulista da Série A2.

Saran não está mais no Catanduvense

“Nos reunimos e o Jorge (Saran) não continuará conosco. Ainda não temos um nome definido, mas já é certo que na próxima rodada o Naves (auxiliar técnico) vai comandar o time”, afirmou o dirigente, com exclusividade ao Portal FI.

José Naves é funcionário do Bruxo, onde chegou a atuar como jogador na década de 80. A missão dele, contudo, não será nada fácil. Após a derrota para a Ferrinha, o time de Catanduva estacionou na zona de rebaixamento, na penúltima posição, com apenas um ponto em quatro jogos.

O auxiliar deve comandar os treinos desta quinta e da sexta-feira. Ele será o responsável por comandar o time contra o Rio Branco, no próximo sábado, às 17 horas, no Estádio Silvio Salles, em Catanduva, pela quinta rodada da Série A2.

A expectativa é de que Reginaldo Borges anuncie um novo treinador até o final de semana. Se isso for confirmado, o novo comandante fará sua estreia contra o São José, na próxima quarta-feira, às 16 horas, em Jacareí, pela sexta rodada.

 
 
" />