Em clima de revanche, Fluminense visita Portuguesa-RJ pelas semifinais do Carioca

Na primeira fase, a Portuguesa venceu o Fluminense por 3 a 0. Agora, o Flu quer a revanche

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 02 - O Fluminense ainda não digeriu a dura derrota por 3 a 0, na segunda rodada do Campeonato Carioca, em pleno Maracanã, diante da Portuguesa-RJ. Mesmo atuando com um time reserva na época, os tricolores foram surpreendidos pelo resultado e neste domingo, menos de dois meses depois, entram em campo, às 16 horas, com sentimento de vingança na casa do rival.

Vindo de quatro vitórias convincentes no Carioca e em grande ascensão na temporada, o Fluminense quer "dar o troco" no estádio Luso-Brasileiro para encaminhar a classificação à decisão. Joga por dois empates, mesmo assim quer largar com vitória para ficar tranquilo para a volta.

O técnico Roger Machado não dirigiu o Fluminense naquela chocante e inesquecível derrota. Mas acompanhou a equipe e agora promete uma escalação bem mais forte e diferente. Mesmo podendo descansar alguns titulares.

Encaminhar a classificação agora se faz necessário pelo fato de o Fluminense encarar os colombianos Júnior Barranquilla e Santa Fe na sequência, confrontos que serão decisivos para a vaga às oitavas na Libertadores. A competição sul-americana é prioridade. Mas o clube não admite ficar fora da decisão do Estadual.

Roger poderá poupar alguns titulares visando jogo da Libertadores
Roger poderá poupar alguns titulares visando jogo da Libertadores
Justamente pensando nos colombianos que Roger Machado pode descansar alguns nomes mais experientes, casos de Nenê, Fred, Egídio e Luccas Claro. Ganso ou Cazares, Manoel, David Braz, Abel Hernandez e Bobadilla devem pintar entre os escolhidos pelo treinador.

A ideia do treinador é poupar peças sem mexer no desempenho e na maneira de atuar. É usar peças novas com o mesmo espírito vitorioso e ofensivo dos últimos jogos. E sem levar sustos, como no primeiro tempo contra o Madureira, no qual terminou atrás do placar com a equipe alternativa.

E A LUSA CARIOCA?
Dona da melhor defesa do estadual, com somente oito gols sofridos, a Portuguesa-RJ vai investir pesado na marcação forte atrás e nos contragolpes, repetindo o que deu muito certo justamente contra o Fluminense.

Além de surpreender o time tricolor, a Portuguesa-RJ ainda bateu o Vasco e empatou com Botafogo e Flamengo. O técnico Felipe Surian quer manter a invencibilidade contra os grandes.

"A primeira partida é fundamental para, se tudo certo, a gente sair na frente e irmos para o segundo jogo com placar favorável. O time pequeno tem de aproveitar as oportunidades e essa é uma chance que temos", afirmou. "Com esse primeiro desafio nos nossos domínios, temos que fazer valer a melhor defesa do e impor nosso jogo, como fizemos em todas as partidas."