Flamengo 2 x 0 Volta Redonda - Bruno Henrique faz dois e coloca Mengão na final

O adversário do Flamengo será o Fluminense, que empatou sem gols com o Botafogo e avançou por ter melhor campanha

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 05 (AFI) - Sem sustos, o Flamengo confirmou o favoritismo dentro de campo e está na final da Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca. Na tarde deste domingo, no Maracanã, a equipe superou o Volta Redonda por 2 a 0, com dois gols de Bruno Henrique. O adversário do Flamengo será o Fluminense, que empatou sem gols com o Botafogo e avançou por ter melhor campanha na fase de grupos.

GRANDE FINAL
Na final, a ser realizada na próxima quarta-feira, às 21h30, no Maracanã, não haverá vantagem do empate para ninguém e, caso o confronto termine empatado, a decisão será nos pênaltis. O mando de campo será definido por sorteio.

Caso conquiste a Taça Rio, o Flamengo será declarado campeão estadual, pois também venceu a Taça Guanabara e tem melhor campanha geral. O Mengo será bicampeão, porque venceu em 2019.

COMEÇOU TRANQUILO

A partida começou equilibrada com troca de passes no meio-campo e a primeira boa chance surgiu apenas aos 11 minutos a favor do Flamengo.

Rafinha cruzou do meio-campo nas costas dos zagueiros e encontrou Bruno Henrique no lado esquerdo da área. Ele, porém, finalizou com o pé direito e a bola foi para fora, mas assustou.

PASSES RÁPIDOS E PLACAR ABERTO

Sem conseguir furar a defesa do Flamengo, o Volta Redonda respondeu aos 14 minutos com chute de fora da área. Pedrinho cortou da esquerda para o meio e finalizou forte. No meio do gol, Diego Alves foi obrigado a espalmar.

Na sequência, o Flamengo teve duas oportunidades. Uma com chute de Everton Ribeiro, rasteiro e para fora. E outra em contra-ataque com Gerson acionando Arrascaeta, que chutou por cima.

Mais solto no jogo, o Flamengo conseguiu passar pela forte marcação do Volta Redonda com passes rápidos para marcar o primeiro gol aos 21 minutos. Filipe Luís tocou para Gabriel, que de primeira acionou Bruno Henrique pelo lado esquerdo da área. Ele passou o pé direito na bola e tocou no lado oposto do goleiro.

Foto: André Moreira / Volta Redonda
Foto: André Moreira / Volta Redonda

QUASE O SEGUNDO

Apenas dois minutos depois, em jogada de escanteio, Bruno Henrique completou cruzamento de cabeça e quase ampliou.

Douglas Borges fez grande defesa e tirou em cima da linha. O Flamengo cresceu muito no jogo e o Volta Redonda não conseguiu responder.

Apesar do volume, não houve chance clara até aos 42 minutos, quando Gabriel foi acionado por Arrascaeta e chutou rasteiro para outra defesa do goleiro adversário.

DE NOVO ELE: BRUNO HENRIQUE

Na volta do intervalo, antes dos dois minutos, Gerson finalizou dentro da área, mas parou na excelente defesa de Douglas. Aos quatro, porém, o goleiro do Volta Redonda não conseguiu evitar o gol. Gabriel tocou em profundidade para Bruno Henrique, que driblou o arqueiro e tocou rasteiro para fazer o segundo.

A equipe rubro-negra seguiu dominando amplamente a partida e só não ampliou por conta de repetidas defesas do goleiro adversário. Defendeu ao menos dois chutes de Gabriel e outro de Michael.

ADMINISTROU

A primeira boa chance do Volta Redonda no segundo tempo surgiu aos 22 minutos, quando Saulo Mineiro foi lançado atrás do setor defensivo e chutou de esquerda para fora. Apesar de continuar no ataque, o Flamengo diminuiu o ritmo e o placar terminou 2 a 0.

Ficha Técnica

Fase
Semifinal da Taça Rio
Rodada
1ª rodada
Data
05/07/2020
Horário
16h00
Local
Maracanã - Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro
Grazianni Maciel Rocha

Assistentes
Luiz Claudio Regazonni e Daniel do Espírito Santo

Público
Sem público
Cartões Amarelos
Flamengo: Filipe Luís

Gols
Flamengo: Bruno Henrique 21' 1T, Bruno Henrique 5' 2T
Flamengo
Diego Alves;
Rafinha, Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís;
Willian Arão (Diego), Gerson (Thiago Maia), Everton Ribeiro (Michael) e Arrascaeta (Vitinho);
Bruno Henrique (Pedro) e Gabriel.
Técnico: Jorge Jesus
Volta Redonda
Douglas Borges;
Oliveira, Heitor, Daniel e Luiz Paulo;
Bruno Barra (William Mineiro), Wallisson (Pedro Thomaz), Marcelo (Luan Martins), Bernardo (Saulo Mineiro) e Pedrinho;
João Carlos (Juan Carlos).
Técnico: Luizinho Vieira