Carioca: Cabofriense confirma trio com meia ex-Vasco e meia-atacante ex-Portuguesa

Guilherme Eiras, arqueiro; e Lucas e Léo Aquino, que jogam mais à frente, são os novos contratados pelo clube de Cabo Frio

por Agência Futebol Interior

Cabo Frio, RJ, 15 (AFI) - A Cabofriense tratou de assegurar a contratação de mais três reforços para a disputa do Campeonato Carioca de 2020. Os últimos nomes confirmados foram os de Guilherme Eiras, goleiro; Lucas, meia; e Léo Aquino, meia-atacante.

Guilherme da Silva Eiras, 26, só vestiu as cores de clubes do próprio Estado do Rio de Janeiro. Após rodar por Duquecaxiense, Itaboraí Profute, Boavista, Sampaio Corrêa-RJ e Boavista, integrou o elenco do Ação no Carioca Série C (equivalente à Segundona Paulista, em São Paulo).

Lucas Perdomo Duarte Santos, 23, começou a carreira no Sub-15 do Madureira, em 2011. Se profissionalizou no Boavista, em 2014, um ano após chegar para o Sub-17. Ficou na equipe de Saquarema até o final de 2019, apesar de ter tido breves passagens por Vasco, em 2018, e Resende, em 2015. Pelo Boavista, venceu a Copa Rio de 2017.

Leonardo Nogueira de Aquino, 24, iniciou na base do Taubaté, mas também foi das categorias menores do Rio Branco-SP. Em São Paulo, trabalhou no Independente, na Portuguesa, no Velo Clube e no Taubaté. Conquistou a Copa Paulista de 2018 pelo Votuporanguense e disputou a Copa Paulista de 2019 pelo Mirassol.

ELENCO
A Cabofriense, na manhã do último sábado, havia confirmado 18 nomes do elenco. O grande destaque era o atacante Max, de 36 anos, que atuou no Palmeiras entre 2007 e 2008 e retornou em 2009 e 2010; em 2019, vestiu as cores de América-RN e Globo.

Léo Aquino - Foto: Enjoy Sports
Léo Aquino - Foto: Enjoy Sports
Outras contratações foram: os laterais Guilherme (ex-Bangu e ABC) e Ronan (ex-Santa Cruz-RN); os zagueiros Gerson Galdino (ex-Athletico-PR) e Victor Souza (ex-Boa Esporte); os meio-campistas Uellington (ex- Jacuipense), PK (ex-Olaria) e Nick (Vitória-ES) e o atacante Elly (ex-CSA).

O Tricolor Praiano ainda garantiu os retornos do goleiro George; do lateral Watson, dos zagueiros Igor e Lucas Cunha; do volante Feitosa; dos meias Kaká Mendes e Dudu Pedrotti; e dos atacantes Abner e Índio.

COMO VAI SER?
A Cabofriense, que está no Grupo A do Campeonato Carioca, ao lado de Botafogo, Bangu, Boavista, Flamengo e o líder da Seletiva, estreia na Taça Guanabara em 18 de janeiro, diante do Fluminense.