​Técnico da Caldense participa de curso da CBF e se reapresenta dia 17

Ito Roque está participando do curso com a presença de outros treinadores de linha do futebol brasileiro

por Agência Futebol Interior

Poços de Caldas, MG, 12 (AFI) - A equipe da Caldense-MG entrou na sua quarta semana da pré-temporada e o desfalque está sendo o técnico Ito Roque, que está na Granja Comary, em Teresópolis-RJ, concluindo a Licença A do Curso da CBF Academy. O curso termina no próximo dia 16, mas os trabalhos vêm sendo conduzidos pelo seu auxiliar técnico Valteir.

O técnico Ito Roque iniciou a pré-temporada com elenco da Caldense. Já havia em seus planejamentos a conclusão do Curso da CBF, Licença A. Juntamente com vários treinadores de todas as gerações, iniciou o curso no último dia 07 de dezembro, com término para dia 16. O treinador retorna para continuidade dos trabalhos no CT Ninho dos Periquitos no dia seguinte.

“O curso está sendo muito produtivo e proveitoso em todos os aspectos, tanto nas disciplinas ministradas quanto nos debates em grupo com nossos treinadores nível top, como Enderson Moreira, Gilson Kleina, Guto Ferreira, Dorival Junior, Rogério Ceni, entre outros grandes profissionais. Está sendo de grande valia para nosso enriquecimento profissional quanto a legalização das Licenças”, disse Ito Roque.

Na manhã desta terça-feira, os jogadores da Caldense foram submetidos a uma série de avaliações, já sob o comando do novo preparador físico do clube, Luís Paulo Bustamante. Os procedimentos tiveram o objetivo de acompanhar a evolução do grupo ao longo dos trabalhos e direcionar as próximas atividades.

Os atletas realizaram uma avaliação com adipômetro para acompanhamento da taxa de gordura corporal, que é medida periodicamente. O ideal é que todos tenham um percentual próximo aos 10%, esse valor varia de jogador para jogador. Após quase um mês de pré-temporada, o elenco já está quase que em sua totalidade próximo da meta.

Em seguida foram feitos testes de impulsão horizontal, os jogadores tiveram que saltar a partir do repouso e com os pés juntos. A intenção foi avaliar a força explosiva dos membros inferiores. Posteriormente ocorreu um teste de condicionamento físico e capacidade aeróbica. Cada atleta teve de percorrer todo o perímetro do gramado por nove vezes a fim de verificar o nível de preparo físico.

 
 
" />