Recém-promovido à elite, time vende mando de campo contra o Flamengo

Apesar de não ser uma informação oficial, o CSA vai receber entre R$ 1,2 milhão a R$ 1,5 milhão pela venda

por Agência Futebol Interior

Maceió, AL, 14 (AFI) - De nada adiantou os torcedores protestarem nas redes sociais. Em entrevista coletiva concedida nesta terça-feira, o presidente do CSA, Rafael Tenório, oficializou a venda do mando de campo da partida contra o Flamengo.

"Acabamos de ter uma reunião. Para o bem do CSA, temos a necessidade de fazer a venda do jogo contra o Flamengo. Todo mundo vende o mando. O CSA não é diferente", disse o mandatário.

O jogo entre CSA e Flamengo, pela nona rodada, vai acontecer no Mané Garrincha
O jogo entre CSA e Flamengo, pela nona rodada, vai acontecer no Mané Garrincha
O duelo válido pela nona rodada do Brasileirão está marcado para o dia 12 de junho e será realizado no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Apesar de não ser uma informação oficial, o CSA vai receber entre R$ 1,2 milhão a R$ 1,5 milhão pela venda.

O dinheiro será usado para o clube manter as contas em dia e também ajudar na busca por reforços. Não está descartada outra venda de mando de campo, que seria contra o Corinthians, no dia 30 de outubro, pela 29ª rodada do Brasileirão.

Recém-promovido à elite, o CSA ainda não venceu e está na zona de rebaixamento, com três pontos em quatro jogos.