Série B: Com dúvida nas duas laterais, CSA ganha opção para o ataque

Pingo teve seu nome publicado no BID da CBF e deve começar no banco de reservas

por Agência Futebol Interior

Maceió, AL, 11 (AFI) - De olho em um lugar entre os quatro primeiros do Campeonato Brasileiro da Série B, o CSA ainda não está definido para a o confronto deste sábado, contra o Boa Esporte, às 16h30, no Estádio Rei Pelé, pela quinta rodada.

O técnico Marcelo Cabo tem dúvidas nas duas laterais. Liberado por conta da morte do pai, Rafinha voltou aos treinamentos na última quinta-feira e não tem presença confirmada na esquerda. O meia Echeverría seria a outra opção. Na direita, Celsinho ainda não está 100% recuperado e pode ceder lugar para Muriel.

O técnico Marcelo Cabo ainda não definiu a escalação do CSA para o jogo deste sábado
O técnico Marcelo Cabo ainda não definiu a escalação do CSA para o jogo deste sábado

Mas nem só de noticiais ruins vive Marcelo Cabo. O volante Ferrugem está totalmente recuperado de uma virose, treinou normalmente e volta para o meio-campo. Contratado há duas semanas junto ao Resende-RJ, o atacante Pingo teve seu nome publicado no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e fica como opção no banco.

"Claro que é muito bom começar na frente, ganhando, mas temos de manter o trabalho firme e forte para que lá na frente esse começo tenha feito toda a diferença", disse o zagueiro Xandão.

Com nove pontos em quatro jogos, o Azulão do Mutange deve entrar em campo assim: Alexandre Cajuru, Muriel (Celsinho), Leandro Souza, Xandão e Echeverría (Rafinha); Edinho, Ferrugem, Didira e Daniel Costa; Niltinho e Michel Douglas.