Série B: Roberto Fernandes lamenta desfalques do CRB e vê jogo contra Ponte como decisão

O time alagoano não conta com Renan Oliveira, Paulinho e Iago para a próxima partida

por Agência Futebol Interior

Maceió, AL, 04 (AFI) – Preparando o CRB para enfrentar a Ponte Preta no próximo sábado, no Moisés Lucarelli, pela 30ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o técnico Roberto Fernandes falou sobre a montagem do time e lamentou o fato de ter alguns desfalques.

“Alguns jogadores estão no departamento médico, ainda não treinaram com o grupo. São eles Renan Oliveira, Paulinho e Iago. Três jogadores que desde o clássico contra o CSA ainda não trabalharam. Temos que focar agora em solução, não em problema. Se a gente tem um jogador que vem como titular e, por acaso, ele está no departamento médico, não adianta eu ficar na porta do DM chorando para ele sair. Temos que ver quem está à disposição e colocar em campo aquilo que a gente tem de melhor”, analisou.

Trabalhando para livrar o CRB do rebaixamento, Roberto Fernandes ainda comentou a situação atual do clube e disse que o planejamento se baseia em uma partida de cada vez, sem projeções a longo prazo.

“Numa reta final de competição, que briga pelo acesso ou para fugir da zona de rebaixamento, se quiser ter êxito, a primeira coisa que tem que fazer é jogar a calculadora fora e focar em cada jogo como uma decisão. Foi assim que o CRB fez contra o Coritiba. Não conseguimos a vitória, mas tivemos uma produção absurda. Foi assim que a gente encarou o clássico e não vai ser diferente com a Ponte. Vamos escarar como se fosse o último jogo”, afirmou.

 
 
" />