Série D: Após taça inédita pelo Brusque, Waguinho Dias entra na mira de clubes da Série B

Treinador consolida trabalho com título em Manaus e fica em evidência no mercado

por Agência Futebol Interior

Brusque, SC, 19 (AFI) - O título inédito do Brusque na Série D do Campeonato Brasileiro, após vitória nos pênaltis em cima do Manaus, coroa o grande trabalho feito por diretoria, comissão técnica e elenco.

O retorno à terceira divisão nacional também coloca em evidência o excelente desempenho de Waguinho Dias à frente do Quadricolor. O treinador, na mira de times da Série B, ganhou holofotes com o acesso/taça e não garantiu permanência para o restante da temporada - além de ter nome ventilado no Criciúma, chegou a ser especulado como substituto de Hemerson Maria no Figueirense.

"Eu não recebi nenhum telefonema oficial do Criciúma. Recebi, sim, de outras pessoas dizendo que existia possibilidade de me ligaram depois. Até agora não houve nada. Sou profissional e tenho uma família. Preciso fazer minha vida financeiramente, e o Brusque está contente na Série C. O Waguinho na Série B seria da mesma forma", pontuou.

Campeão da Série D pelo Brusque, Waguinho Dias alcança feito inédito na carreira - Lucas Gabriel Cardoso / Brusque FC
Campeão da Série D pelo Brusque, Waguinho Dias alcança feito inédito na carreira

"Todo mundo quer uma promoção financeira e profissional. Não é que vou largar o Brusque. Não quero isso. São oportunidades da carreira. Muitos, infelizmente, não vão entender. Até agora não há nada. Não vou sair pelas portas do fundo. Tudo será conversado com a diretoria antes de qualquer definição. Se eu sair, é por carreira, não por não querer trabalhar no Brusque. Quero deixar as portas abertas", emendou o treinador.

Caso siga à frente do campeão brasileiro, Waguinho Dias será um dos responsáveis por lidar com a reformulação do plantel, em destaque nacional, para a disputa da Copa Santa Catarina a partir de setembro e também para o ano seguinte, com Campeonato Catarinense, Copa do Brasil e Série C.