Goleiro brasileiro brilha em Portugal com assistência e é o terceiro melhor na Liga

Ex-XV de Piracicaba, Mateus Pasinato ajudou Moreirense a arrancar empate nos acréscimos

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 10 (AFI) - O Moreirense recebeu o Vitória de Setúbal pela 20ª rodada da Liga NOS, a primeira divisão do Campeonato Português, e empatou em 1 a 1.

O destaque do jogo foi a estrela do goleiro Mateus Pasinato, brilhando nos acréscimos com assistência de cabeça e garantindo igualdade aos 49 minutos do segundo tempo.

O Moreirense foi surpreendido com gol logo aos 12 minutos do primeiro tempo, mas foi melhor em relação ao adversário, com, pelo menos, três oportunidades para virar o resultado.

Mateus Pasinato brilha com assistência em Portugal
Mateus Pasinato brilha com assistência em Portugal

"Fomos melhores no jogo e criamos mais situações de gols que poderiam nos dar a vitória e ter melhor pontuação na Liga", disse o camisa 1

O segundo tempo foi reflexo da primeira etapa, com o Moreirense criando. Nos acréscimos, porém, a recompensa.

Em escanteio para o time da casa, Pasinato foi à área do adversário e em, bela assistência de cabeça, tocou para o atacante Fábio Abreu empatar a partida.

"Era o último lance da partida e não seria justo uma derrota em casa do jeito que a equipe jogou. Fui feliz na assistência para o Fábio. Ele só teve trabalho de testar para rede", declarou.

Após o jogo, além de grande comemoração dos jogadores e torcedores, Fábio Abreu prometeu pagar um almoço ao goleiro brasileiro pela ótima assistência.

"Tenho que pagar almoço pra ele, pois foi uma ótima assistência e nunca havia acontecido isso comigo em toda carreira (receber assistência de goleiro). O Pasinato foi fundamental para o nosso empate. Agora é só ele escolher o restaurante", brincou o atacante angolano.

QUEM É ELE?
Mateus Pasinato é ex-goleiro do XV de Piracicaba e vem se destacando no futebol português com a camisa do Moreirense.

O jogador de 27 anos chegou ao clube no meio de 2019 e ganhou a titularidade - hoje é o terceiro melhor goleiro na Liga, com 71 defesas difíceis.

Ele só é superado por Cláudio Ramos (Tondela) e Marco (Santa Clara), ambos com 72 intervenções.

Espaço incorporado por HTML (embed)