Com acesso no Japão, atacante ex-Ponte e Fortaleza termina temporada em alta

Júnior Santos, atualmente no Kashiwa Reysol, conquistou vaga na elite ao lado do técnico Nelsinho Batista

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 20 (AFI) - Júnior Santos é sinônimo de superação dentro do Mundo da Bola. O atacante terminou a temporada em alta depois de conquistar o acesso e o título da segunda divisão japonesa pelo Kashiwa Reysol, clube dirigido pelo técnico Nelsinho Batista.

O atleta brasileiro desembarcou em solo asiático já na reta final do torneio nacional, mas ainda teve tempo de entrar em campo por nove rodadas, sendo titular em três oportunidades.

E & L Marketing gerencia a carreira de Júnior Santos
E & L Marketing gerencia a carreira de Júnior Santos

"Cheguei quase no fim, mas pude ajudar o elenco e, aos poucos, ganhar a confiança da comissão e diretoria. Ainda estou em período de adaptação à rotina no novo país.

Em 2020, porém, já mais aclimatado, vou trabalhar forte para conquistar a posição de titular e ajudar o Kashiwa na J-League", pontuou.

DA VÁRZEA AO EXTERIOR

Júnior Santos foi descoberto por Edvaldo Ferraz, agente da E & L Assessoria, no Osvaldo Cruz, integrante da Segunda Divisão do Campeonato Paulista - quarto patamar regional.

Júnior Santos termina 2019 com título e acesso no Japão
Júnior Santos termina 2019 com título e acesso no Japão

Antes disso, Berimbau, como ficou apelidado no Brasil, disputava competições de várzea no interior da Bahia, mais exatamente na região de Conceição do Jacuípe, onde é nascido.

No Azulão, Júnior explodiu em 2017 e chamou atenção do Ituano, pelo qual atuou no Campeonato Paulista de 2018, com quatro gols em 11 jogos.

ASSÉDIO NO GALO
O Galo, então, foi assediado pela Ponte Preta. Sem titubear, o time até então comandado por Juninho Paulista, hoje membro da CBF, o emprestou à Macaca para disputar a última edição da Série B.

Após oscilar nas primeiras rodadas, o jogador ganhou a confiança dos técnicos Doriva, João Brigatti e Gilson Kleina e fechou o ano como um dos destaques alvinegros, com nove bolas na rede em 38 participações, sendo titular absoluto ao lado de André Luís.

NO NORDESTE

O desempenho satisfatório com a camisa da Ponte Preta chamou atenção do Fortaleza no começo deste ano, então recém-promovido à Série A.

Ferraz: apoio aos atletas
Ferraz: apoio aos atletas

No Tricolor do Pici, Júnior Santos foi o dono da camisa 9 e o goleador na Copa do Nordeste no primeiro semestre - em sua estada no clube cearense, foram dez gols em 27 jogos, sendo negociado na pausa para a Copa América, em junho.

"É importante eles terem seguido a carreira. Sempre procurei orientá-los de como se comportar dentro e fora do campo, conscientizando sobre os direitos e deveres de um atleta profissional", enalteceu Edvaldo Ferraz.

MAIS 'CASES'
O dirigente, aliás, também foi o responsável por 'captar' Felippe Cardoso no Osvaldo Cruz. O centroavante foi repassado à Ponte Preta e, posteriormente, vendido ao Santos por R$ 3 milhões em setembro do ano passado - hoje está emprestado ao Ceará.

"Feliz pelo Sucesso dos nossos atletas, como o Clayson bicampeão Paulista e Campeão Brasileiro no Corinthians . O Junior Santos em apenas um ano e meio de trabalho passou em ascensão por Ituano, Ponte Preta e Fortaleza. Lá no Nordeste foi Campeão Cearense e da Copa Nordeste, terminando como artilheiro com 8 gols.

Agora recentemente chegando no Japão já sagrou-se campeão pelo Kashiwa Reysol. Mostra que, quem tem gratidão tem caráter, esses meninos são de Deus , merecem onde estão. Me sinto realizado por poder ajudá-los a vencer na profissão" - completou Ferraz.