Do Egito, Keno vibra com título do Palmeiras e pede medalha

Atacante participou de nove jogos da campanha do decacampeonato, marcou um gol e deu uma assistência

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 27 (AFI) - Assim como aconteceu com os jogadores do Palmeiras, que comemoraram o título do Brasileirão após a vitória por 1 a 0 sobre o Vasco, no último domingo (25), em São Januário, quem também fez muita festa pela conquista foi o atacante Keno. Há exatos cinco meses, o jogador deixou o Verdão para defender o Pyramids, do Egito, mas nunca se esqueceu do clube e dos amigos que fez por lá.

Sempre que pode, Keno procura acompanhar a equipe e, no último final de semana, não foi diferente. Há mais de 10 mil quilômetros de distância, o atacante vibrou bastante com o gol de Deyverson, que garantiu o decacampeonato ao Palmeiras.

“Nunca escondi o carinho que tenho pelo Palmeiras e, mesmo de longe, sempre procuro acompanhar os jogos do clube. Domingo não poderia ter sido diferente e comemorei muito. Deixei diversos amigos e esse elenco e essa torcida mereciam demais o título. Vivi muita coisa boa por lá e estarei sempre na torcida pelo sucesso do time”, afirmou.

Hoje no Pyramids, Keno também disse se sentir campeão Brasileiro, pois participou de nove jogos da campanha, sendo titular em todos eles. Além disso, o atacante ainda marcou um gol e deu uma assistência no torneio.

”Me sinto orgulhoso por ter contribuído de alguma forma. Depois do jogo mandei algumas mensagens para a rapaziada parabenizando pela conquista. Agora só falta ligar para o pessoal do clube e pedir para não esquecerem de guardar a minha medalha. Também sou campeão, né?”, brincou o jogador.

Apesar do momento de alegria. Keno fez questão de mandar um abraço especial ao amigo Willian, que lesionou o ligamento do joelho, justamente no lance que originou o gol do título, marcado por Deyverson.

”O Bigode é um dos grandes amigos que fiz no Palmeiras e que levarei para o resto da vida. Um cara exemplar, tanto dentro como fora de campo, e rezarei pela sua rápida recuperação. É um cara sensacional e tenho certeza que voltará rápido e ainda melhor”, declarou.

Vindo do Santa Cruz em janeiro de 2017, Keno disputou 84 jogos pelo Palmeiras, marcou 19 gols e deu nove assistências. Mais que números, imprimiu um estilo diferente. Sempre abusava dos dribles e da velocidade para desarmar as defesas adversárias e conquistar o respeito do torcedor.

Agora, no Pyramids, não tem sido diferente. Com oito gols e três assistências em 13 jogos, Keno vem se consolidando como o grande nome do futebol egípcio na temporada.

 
 
" />