CANDANGO: Com gol de campeão mundial em 2002, Brasiliense elimina Paracatu; Gama avança

Vaga na decisão garantiu à dupla um lugar na Copa Verde, no Campeonato Brasileiro da Série D e na Copa do Brasil, todas em 2020

por Sérgio Porto

Brasília, DF, 07 (AFI) - Os jogos de volta das semifinais do Campeonato Candango foram disputadas na tarde deste domingo. O Brasiliense, que teve a estreia do técnico Ricardo Antonio, passou por grandes dificuldades ao vencer o Paracatu por 3 a 2.

O Gama tinha uma tarefa mais tranquila e acabou confirmando sua boa campanha, com 15 jogos invictos, uma das maiores invencibilidades do futebol nacional, ao fazer 1 a 0 no Real.

COBERTURA COMPLETA

O Portal FUTEBOL INTERIOR acompanha todos os Campeonatos Estaduais do Brasil online pelo PLACAR AO VIVO e também depois com comentários e destaques da rodada.

Baixe também o Aplicativo - App Placar FI - tanto pelo Google Play como APP Store.

VEJA TODOS OS DETALHES DOS ESTADUAIS!

CALENDÁRIO CHEIO
Além da ida à decisão, a dupla garante calendário cheio para a temporada de 2020: terão Estadual, Copa Verde, Campeonato Brasileiro da Série D e Copa do Brasil. As duas partidas da final estão previstas para os dias 13 e 20 de abril, no estádio Nacional Mané Garrincha,em Brasília-DF.

Brasiliense e Gama não levam vantagens para estes confrontos: ao final dos 180 minutos, caso as duas equipes cheguem iguais em pontos e saldo de gols, a decisão será em cobranças de penalidades máximas.

CANDANGO: Com gol do zagueiro Lúcio, campeão mundial em 2002, Brasiliense elimina Paracatu
CANDANGO: Com gol do zagueiro Lúcio, campeão mundial em 2002, Brasiliense elimina Paracatu

BRASILIENSE 3 X 2 PARACATU, NO ESTÁDIO ABADIÃO
O Jacaré levou um susto ao sofrer o primeiro gol do Paracatu, através de Richely. No final do primeiro tempo, em dois gols relâmpagos, o Brasiliense virou o placar por 2 a 1, com Romarinho e Badhuga. Na segunda etapa, aos 42 minutos do segundo tempo, pênalti para o Paracatu. Danilo Itaporanga cobrou e empatou o jogo, dando, naquele momento, a classificação inédita ao time do Interior Mineiro.

Porém, aos 48 minutos, o zagueiro campeão do mundo Lúcio acabou fazendo o 3 a 2 para o Brasiliense. Para extravasar sua alegria, o defensor tirou a camisa, levou o segundo cartão amarelo, sendo expulso, e está fora da primeira partida da final.

Pelo lado do Paracatu, o volante Acerola foi expulso. Ao final da partida, confronto entre jogadores do Paracatu e Brasiliense e também de torcidas. A Policia Militar do DF entrou em ação para apaziguar os ânimos. O público foi de 1.125 pagantes; a renda acabou sendo de R$ 7.380,00.

GAMA 1 X 0 REAL, NO ESTÁDIO BEZERRÃO
O Alviverde Candango jogava com a vantagem de perder por um gol de diferença, mas acabou vencendo por 1 a 0, gol de Tarta ainda no primeiro tempo.

Com isto, os comandados do técnico Vilson Tadei confirmaram sua invencibilidade de 15 jogos no Candango e estão nas finais do 44º Campeonato Brasiliense de Futebol. No Real, o meio campista Felipe Cirne foi expulso.

Existe um projeto para que os jogadores do Real possam compor o elenco do Sobradinho nas disputas da Série D do Brasileiro. O público no Bezerrão foi de 5.145 torcedores, com renda de R$ 66.320,00.

Confira os resultados da 2ª rodada
Brasiliense-DF
3
x
2
Paracatu
Gama-DF
1
x
0
Real-DF