Candangão: Somente dois estádios estão aptos para o estadual

A Federação visitou 10 praças esportivas e somente duas estão liberadas no momento

por Sérgio Porto

Brasília, DF, 03 (AFI) - A contagem regressiva para o início do 44º Campeonato Brasiliense de Futebol aponta que faltam 23 dias para que a bola comece a rolar no Centro Oeste brasileiro. Serão 12 equipes correndo atrás do título candango de 2019. O atual campeão Sobradinho e o vice-campeão Brasiliense estarão também disputando a Copa Verde, Copa do Brasil, além da série D do brasileiro de 2019.

O Sobradinho confirmou a permanência de Vitor Santana como seu treinador. A perda no clube foi a saída do gerente de futebol Reinaldo Gueldini, ele que faz parte agora da comissão técnica do Gama e também atuará nas divisões de base do alviverde candango. Uma das novidades no Sobradinho é a chegada do meio campista Marlos, ele que é irmão gêmeo de Marlone que já atuou pelo Corinthians/SP.

Estádio Serejão sendo reformado (foto: Sérgio Porto)
Estádio Serejão sendo reformado (foto: Sérgio Porto)
O Formosa Esporte confirmou o nome de Heli Carlos como seu treinador. Já o Santa Maria será comandado por Eduardo Vieira, ele que se destacou no futebol goiano. As demais equipes já haviam anunciados oficialmente seus treinadores.

O Brasiliense anunciou a chegada do lateral esquerdo Romano, de 31 anos, com passagem por Avaí-SC, Ceará-CE, Portuguesa-SP, Juventude-RS e Avenida-RS, último clube antes de chegar ao Distrito Federal.

O Luziânia do técnico Luiz Carlos Souza trabalha forte para estrear na competição frente ao Paracatu. O Ceilândia Esporte Clube, do técnico Jairo Araújo fará seu primeiro amistoso no sábado, 5 de janeiro, no Abadião frente ao Aparecidense/GO.

E OS ESTÁDIOS PARA A COMPETIÇÃO? SOMENTE DUAS PRAÇAS ESTÃO APTAS

O diretor técnico da Federação de Futebol do Distrito Federal, Márcio Coutinho, afirmou que a entidade espera o apoio do Governo do Distrito Federal recém empossado, a fim de que os estádios para o Candangão no Distrito Federal, que são do governo local, possam estar em condições de serem utilizados para o 44º Campeonato Brasiliense de Futebol.

Conforme o dirigente comentou ao jornal Correio Braziliense, a Federação visitou 10 praças esportivas e somente duas estão liberadas no momento para sediarem os jogos do Candangão 2019. E nenhuma delas está na Capital do Brasil. São elas: o estádio Serra do Lago, em Luziânia/GO e o estádio Frei Norberto, em Paracatu/MG. Nem o estádio Nacional Mané Garrincha, palco da Copa das Confederações em 2013 e 10 jogos da Copa do Mundo de 2014, está liberado para receber jogos do Candangão 2019.

O estádio Serejão, em Taguatinga/DF, que foi indicado por Brasiliense e Taguatinga para local para mando de campo de seus jogos, passa por reformas. O estádio Bezerrão, no Gama, está com problemas de falta de água e de energia elétrica.

OS 12 TÉCNICOS DO CANDANGÃO 2019;

BRASILIENSE: Adelson de Almeida;
BOLAMENSE:
Paulo Cesar Alencar;
CAPITAL:
Hugo Almeida;
CEILÂNDIA:
Jairo Araújo;
PARACATU: Joel Cornelli;
FORMOSA:
Heli Carlos;
LUZIÂNIA: Luiz Carlos Souza;
GAMA:
Vilson Tadei;
TAGUATINGA:
Ricardo Antonio;
REAL F. C.: Paulo Pereira;
SANTA MARIA: Eduardo Vieira
;SOBRADINHO: Vitor Santana.

 
 
" />