CANDANGÃO: Sobradinho vence Brasiliense nos pênaltis e levanta taça após 31 anos

Leão da Serra levou a decisão para as penalidades após vitória por 1 a 0 no tempo normal

por Agência Futebol Interior

Brasília, DF, 07 (AFI) - O torcedor do Sobradinho esperou muito, mas enfim soltou o grito de campeão do Candangão. Sem faturar o estadual desde 1986, o time levantou a taça no final da tarde deste sábado com uma vitória por 4 a 3 nos pênaltis sobre o Brasiliense depois de vencer por 1 a 0 no tempo normal, no Mané Garrincha.

A decisão foi para as penalidades porque o time de Taguatinga havia vencido o primeiro duelo pelo mesmo placar. Com a derrota, o Jacaré perdeu a oportunidade de conquistar o décimo título candango de sua história.

Foto: Rafaela Felliciano
Foto: Rafaela Felliciano
O JOGO
Como precisava do resultado, o Sobradinho entrou em campo com uma postura mais ofensiva e criou boas oportunidades. Logo aos oito minutos, teve um pênalti a favor, Michel Platini errou a cobrança. O jogo ficou mais equilibrado no decorrer do tempo e teve duas bolas na trave, uma para cada lado.

No segundo tempo, o Leão da Serra mostrou mais intensidade e abriu o placar com apenas 32 minutos de bola rolando, quando João Manoel tabelou com Mirandinha e mandou para o fundo da rede.

Por fim, a decisão foi para os pênaltis e o Sobradinho venceu por 4 a 1. O goleiro Sucuri, do Brasiliense, defendeu as cobranças de Thiago Bispo e Igor, mas seus companheiro de linha esbarram no goleiro adversário. Michel defendeu os chutes de Reinaldo, Radamés e Zizu, antes te Rambo converter a última cobrança.

Ficha Técnica

Fase
FInal
Rodada
2ª rodada
Data
07/04/2018
Horário
16h25
Local
Mané Garrincha - Brasília (DF)
Árbitro
Rafael Diniz

Assistentes
Daniel Henrique e Ciro Chaban

Cartões Amarelos
Brasiliense: Welton Felipe , Gerson
Sobradinho: Dias , Gabriel

Gols
Sobradinho: João Manoel 1' 2T
Brasiliense
Edmar Sucuri;
Patrick (Luquinhas), Welton Felipe, Wallace e Gerson;
Radamés, Souza (Aldo), Gabriel e Reinaldo;
Nunes e Felipe Cirne (Zizu)
Técnico: Aílton Ferraz
Sobradinho
Michael;
Luan, Igor, Rambo e Dionatan;
Dias, Gabriel (Rafael), Geovane e João Manoel (Thiago Bispo);
Mirandinha (Wudson) e Platini.
Técnico: Vitor Santana
 
 
" />