BRASILEIRO SUB-17: Corinthians e mais dois vencem na ida das quartas de final

Além do Timão, Athletico-PR e Fluminense saíram na frente em busca de vaga na semifinal; veja os detalhes!

por Confederação Brasileira de Futebol (CBF)

Campinas, SP, 18 - Nesta quarta-feira (18), três partidas deram o pontapé inicial nas quartas de final do Brasileiro Sub-17. Após jogos muito disputados, Athletico-PR, Corinthians e Fluminense bateram Grêmio, São Paulo e Vasco, respectivamente, e construíram vantagens importantes na luta por um lugar na semifinal. Veja os detalhes dos confrontos:

Grêmio 1 x 2 Athletico-PR

O Athletico visitou o Grêmio no CT Hélio Dourado, em Eldorado do Sul (RS), e conseguiu um importante resultado ao virar o placar e vencer por 2 a 1. Agora, o time paranaense vai tentar confirmar a vantagem no domingo (22), no CAT do Caju, em Curitiba (PR).

O Furacão até começou melhor no primeiro tempo, mas não conseguia finalizar. Os gaúchos, por outro lado, passaram a gostar do jogo e tiveram a primeira boa chance aos 12 minutos, em chute de Válber. A partir daí, o Tricolor equilibrou as ações e chegou ao gol aos 33: Válber se redimiu da oportunidade perdida ao receber na pequena área, girar sobre a marcação e bater para a rede. Os donos da casa ainda poderiam ter ampliado antes do intervalo com Matheus, mas a finalização acabou subindo.

No primeiro lance do segundo tempo, o Furacão teve chance clara de empatar com Jader, que saiu cara a cara com o goleiro. No entanto, o atacante colocou muita força na bola e ela subiu demais. O Tricolor respondeu aos três minutos com Válber, em bicicleta rente ao travessão. Porém, o Rubro-Negro insistiu e chegou ao empate aos oito: após cruzamento de Juninho, Emersonn testou e marcou. O Athletico seguiu na pressão e conseguiu um pênalti aos 12. Na cobrança, Renan virou o placar para os paranaenses. Atrás no marcador, o Grêmio foi para cima e teve ao menos três grandes chances para igualar a partida, mas parou no arqueiro Mycael e não pôde reverter a desvantagem.

Corinthians 3 x 2 São Paulo

No clássico Majestoso, o Corinthians mostrou espírito de luta e venceu o São Paulo por 3 a 2 no Parque São Jorge, em São Paulo (SP), revertendo vantagem de dois gols construída pelo Tricolor. O jogo de volta será no próximo domingo (22), no Marcelo Portugal, em Cotia (SP).

De virada, Corinthians venceu o São Paulo por 3 a 2 e abriu vantagem nas quartas de final do Brasileiro Sub-17 (Foto: Rodrigo Gazzanel/Corinthians)
De virada, Corinthians venceu o São Paulo por 3 a 2 e abriu vantagem nas quartas de final do Brasileiro Sub-17 (Foto: Rodrigo Gazzanel/Corinthians)

O Timão teve a primeira chance da partida em finalização de Felipe Augusto aos oito minutos, mas a bola foi ao lado do gol. Porém, o São Paulo reagiu e abriu o placar aos 14. Primeiro, Marquinhos cobrou falta com precisão e Davi fez bela defesa. No escanteio seguinte, Beraldo subiu muito e balançou a rede. Com a desvantagem, o time da casa buscou ocupar mais o campo ofensivo, mas pouco fez para ameaçar no primeiro tempo. A única boa oportunidade aconteceu aos 41, em chute de longe de Argentino.

Na etapa final, o São Paulo ampliou aos sete minutos: depois de cobrança de falta de Marquinhos no travessão, a bola sobrou com Palmberg, que desviou para a rede e saiu para o abraço. Aos 12, o Corinthians começou a reação e descontou com Belezi, que pegou sobra na grande área após escanteio e completou para o gol. O empate não tardou a aparecer. Aos 19, Robert arriscou de longe e fez um golaço para igualar o marcador. Já aos 26, em bate-rebate, Renato tocou para a meta vazia e sacramentou a virada dos donos da casa.

Fluminense 2 x 1 Vasco

Jogando no estádio das Laranjeiras, o Fluminense saiu com a vitória por 2 a 1 diante do Vasco. Em um primeiro tempo muito movimentado no Rio de Janeiro (RJ), o Tricolor construiu várias oportunidades de marcar, mas quem começou ameaçando foi o Gigante da Colina, em cobrança de falta de Julião aos dois minutos. A partir daí, o que se viu foi uma grande pressão dos mandantes. O atacante João Neto teve quatro chances claras para balançar a rede – duas delas em cabeceios perigosos, aos sete e aos 26. Aos 22, ele invadiu a área em velocidade e Pablo fez boa defesa. Já na reta final da primeira etapa, aos 41, recebeu livre de marcação, mas mandou ao lado.

Matheus Martins teve três oportunidades - duas delas em cobranças de falta: uma foi para fora, enquanto a outra parou em Pablo. Aos 43, ele ainda poderia ter marcado após bela arrancada individual, mas finalizou em cima do arqueiro vascaíno. Nos acréscimos, o Gigante da Colina tentou chegar duas vezes em contra-ataques, mas levou pouco perigo. Com isso, os times foram para o intervalo zerados.

Na segunda etapa, o Flu abriu o placar logo aos quatro minutos: Matheus Martins bateu de longe e Pablo tentou espalmar, mas mandou para a rede. Aos 33, Caio Dantas saiu na cara do goleiro e igualou para o Vasco, mas a arbitragem pegou impedimento e invalidou a jogada. O Gigante da Colina manteve o ímpeto e alcançou o empate com Ruan, aos 42, em finalização no canto. Porém, quando parecia que o resultado igual seguiria até o fim, o Tricolor fez o gol da vitória: no último lance da partida, aos 50, Lucas Felipe saiu livre na pequena área e completou para o gol vazio. A volta será no sábado (21), no Nivaldo Pereira, em Nova Iguaçu (RJ).