Série D: ​Gama e Brasiliense se preparam para o confronto no sábado

O Gama é o líder do grupo com 29 pontos ganhos, já o Brasiliense, é o segundo, com 27 pontos ganhos

por Sérgio Porto

Brasília, DF, 18 (AFI) - O clássico candango de número 64 acontecerá no próximo sábado, a partir das 16 horas no estádio Serejão, em Taguatinga, no Distrito Federal. Será o jogo da volta da primeira fase da Série D do Brasileiro, partida válida pelo grupo A6 da quarta divisão nacional. No jogo de ida no Bezerrão, o Gama venceu por 2 a 1 com gols de Wallace e Émerson, com Douglas descontando para o Brasiliense.

CENÁRIO

O Gama é o líder do grupo com 29 pontos ganhos. O Brasiliense é o segundo, com 27 pontos ganhos. As duas equipes do Distrito Federal vem à frente do grupo A6 e o objetivo é lutar pelo primeiro lugar no grupo no encerramento desta primeira fase.

O Gama, do técnico Vilson Tadei, vem de vitória em casa de 3 a 0 sobre a Caldense, na sexta-feira passada. O Brasiliense empatou em casa em 1 a 1 com o Bahia de Feira no sábado. As duas equipes já se garantiram na próxima fase da competição nacional.

MUDANÇAS

Para o confronto frente ao arquirrival Brasiliense, o time do técnico Vilson Tadei à princípio, conta com todo o elenco e o comandante gamense poderá até mesmo se assim o desejar, manter a base do time que vem atuando. A equipe que começou o confronto frente ao time de Poços de Caldas formou com: Rodrigo Calaça; Gabriel, Gustavo, Émerson e Julio Lima; Wallace, Andrei Alba e Esquerdinha; Éverton, Nunes de David Souza.

Já no Brasiliense, o técnico Edson Souza tem três desfalques por suspensão. Os zagueiros Preto Costa e Badhuga foram expulsos no confronto diante do Bahia de Feira. Já o meia atacante Maicon Assis recebeu o terceiro cartão amarelo. A tendência é que Breno Calixto e Keynan componham o miolo de zaga do jacaré brasiliense.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A boa notícia para o técnico Edson Souza é que o atacante Zé Love está de volta, após cumprir a suspensão automática pela expulsão na vitória fora de casa de 3 a 0 sobre o Atlético de Alagoinhas. Com isso, a tendência é que o atacante do time para enfrentar o arquirrival Gama possa ser formado por Luquinhas, Jéferson Maranhão e Zé Love.

Um provável Brasiliense para o próximo sábado no clássico 64 diante do Gama é: Fernando Henrique; Diogo, Breno Calixto, Keynan e Peu; Bruno Lima, Wagner Balotelli e Zotti; Luquinhas, Jéferson Maranhão e Zé Love.

A Confederação Brasileira de Futebol já anunciou que Brasiliense x Gama terá arbitragem carioca de Paulo Renato Silva Coelho, com os assistentes Leila Cruz e Lucas Modesto, com o quarto árbitro Marcelo Rudá, todos do Distrito Federal.

A HISTÓRIA DO CLÁSSICO CANDANGO

Será o confronto de número 64 entre Gama e Brasiliense. O Gama venceu 21 vezes, foram 21 vitórias do Brasiliense e aconteceram 21 empates. O Gama marcou 68 gols. O Brasiliense balançou as redes gamenses em 76 oportunidades. O Gama tem 13 títulos candangos e o Brasiliense levantou nove taças de campeão de Brasília. Os dois clubes já se enfrentaram por sete oportunidades em finais do Candangão. O Gama conquistou quatro títulos e o Brasiliense foi campeão candango em 3 vezes.