Série D: Operário-MT e União-MT fazem clássico com ar de decisão

Não há chances para perdedores. O Operário vem de técnico recontratado e o União com desfalques importantes

por Jorge Maciel - Futebolpress

Várzea Grande, MT, 30 (AFI) - Operário e União fazem, neste sábado 31, o clássico regional válido pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série D, no grupo 5. O jogo acontece às 16 horas no estádio Dito Souza, em Várzea Grande.

Será o segundo confronto entre os dois clubes na competição. No último dia 10, em casa, o União levou a melhor, vencendo o primeiro duelo por 1 a 0. Para esse jogo de volta, os dois times estão em situação semelhante na tabela de classificação, no momento em que a ordem é vencer ou vencer. O Tricolor tem oito pontos e está estacionado em 6º lugar e o Colorado tem sete pontos e ocupa a 7ª posição na tabela.

Luiz Gabardo
Luiz Gabardo

Como eles vêm para o clássico

O Operário demitiu Edison Ferreira e recontratou o técnico Luiz Gabardo, que fará sua reestreia. O técnico que fez boa campanha no Estadual, entretanto, não viu muitas opções na chegada.

O time que comandou no Mato-grossense foi formado às pressas com outros jogadores para a Série D e ele terá que transformar esse problema em vitórias, já que não pode contar com os seus ex-comandados e a diretoria prometeu contratações, mas não agora.

“Fiz dois treinos e vamos encarar o desafio com o recurso humano que temos”, disse Gabardo.

Pelo lado do União, que vem de quatro derrotas seguidas, uma de goleada para o Aparecidense, por 4 a 0, o técnico Edilson Júnior tem um problemão pela frente.

O goleiro Neneca testou positivo para a covid-19 e está fora. O colorado também não terá Éder Paraguai e Dinei, que se lesionaram e estão no departamento médico. Para piorar, o zagueiro Patrick Mengue pediu dispensa do clube.