Mirassol-SP 8 x 0 Nacional-PR - Leão goleia e assume a segunda colocação do Grupo A7

Com o resultado sobre os paranaenses, os donos da casa foram aos 12 pontos, o mesmo de Bangu-RJ e Cabofriense-RJ

por Agência Futebol Interior

Mirassol, SP, 17 (AFI) - O Mirassol-SP é o novo vice-líder do Grupo A7! Afinal de contas, recebeu o Nacional-PR, na noite deste sábado (17), no estádio José de Campos Maia, o Maião, em Mirassol (SP), pela sétima rodada da primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série D, a última do primeiro turno, e goleou por 8 a 0.

Espaço incorporado por HTML (embed)

Com o resultado, os donos da casa foram aos 12 pontos, o mesmo de Bangu-RJ e Cabofriense-RJ (a diferença entre eles é o saldo de gols: 13, 3 e 2, respectivamente). Ferroviária-SP, com 14, aparece na ponta isolada da chave.

Os visitantes, com três, estão em situação delicada, assim como o Toledo-PR, com um. Por outro lado, FC Cascavel-PR e Portuguesa-RJ, com nove, estão firmes na luta por uma das quatro vagas ao mata-mata, que oferecerá quatro acessos.

ETAPA INICIAL
Atuando em casa diante de um adversário que segura a lanterna da Segunda Divisão Paranaense (equivalente ao Paulista A2, em São Paulo), o Mirassol se lançou ao ataque desde o começo e não tardou a balançar as redes do Nacional, que sequer foi comandado pelo técnico Ney de Paula - o auxiliar Adilson Brito quem ficou no banco de reservas.

Após Welton concluir cruzamento de escanteio e cabecear na trave, França foi derrubado dentro da área no rebote. Cassinho foi para a cobrança de pênalti e, com muita categoria, abriu o placar, aos nove minutos do primeiro tempo.

TAPA PRO GOL
Na sequência, aos 13, França se movimentou bem e ficou livre dentro da área. Sem titubear na frente do goleiro Zé Carlos, deu um tapa de pé esquerdo e ampliou.

Aos 26, Elton, de cabeça, tirou tinta da trave e ficou perto de marcar o terceiro para os donos da casa. Aos 29, a primeira boa chegada visitante. Após trama pelo lado esquerdo, JP, quase na pequena área, recebeu cruzamento e, sem qualquer marcação, testou por cima do travessão.

Os mandantes voltaram a ameaçar aos 35. Fabricio soltou uma bela estilingada e parou em ótima defesa de Zé Carlos.

SEGUNDO TEMPO
Os últimos 45 minutos de partida foram parecidos com os iniciais. O Mirassol nem precisou forçar tanto quanto na etapa inicial para conseguiu ampliar rapidamente. Aos dez minutos, França recebeu na cabeça da área, limpou a marcação e estufou as redes após finalização forte. Pouco depois, aos 17, Léo Artur, que acabara de entrar, arriscou de longe e, contando com desvio no meio do caminho, consolidou a goleada.

Já aos 24, Fabrício Daniel foi acionado em profundidade e, cara a cara com Zé Carlos, tocou no cantinho para anotar o quinto gol. Era o começo do show do centroavante, que chegou ao hat-trick. Aos 31, após escanteio, a bola explodiu no travessão - com o gol vazio, ele deu um leve toque de cabeça e fez o sexto. Aos 36, recebeu cruzamento na pequena área e, com o pé esquerdo, mandou no contrapé do arqueiro.

Mirassol-SP x Nacional-PR. Foto: Marcos Freitas / Agência Mirassol FC
Mirassol-SP x Nacional-PR. Foto: Marcos Freitas / Agência Mirassol FC

No apagar das luzes, aos 45, Frank cruzou na cabeça de Elton, que subiu mais do que todo mundo para testar e fechar o placar em inapeláveis 8 a 0!

PRÓXIMOS JOGOS
Curiosamente, as equipes voltam a se enfrentar já na abertura do returno da primeira fase da Série D. O novo encontro acontece na quinta-feira (22), às 15h30, em Rolândia (PR), no estádio Erich Georg.

CONFIRA IMAGENS DA PARTIDA

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
7ª rodada
Data
17/10/2020
Horário
19h00
Local
José Maria de Campos Maia - Mirassol (SP)
Árbitro
Bruno Pereira Vasconcelos (BA)

Assistentes
Vitor Carmona Metestaine (SP) e Rodrigo Meirelles Bernardo (SP)

Cartões Amarelos
Mirassol-SP: Danilo Boza
Nacional-PR: Tetê , Igor, Irving

Gols
Mirassol-SP: Cassinho 9' 1T, França 13' 1T, França 10' 2T, Léo Artur 17' 2T, Fabrício Daniel 24' 2T, Fabrício Daniel 31' 2T, Fabrício Daniel 36' 2T, Elton 45' 2T
Mirassol-SP
Jeferson;
Vinícius, Danilo Boza, Elton e Luiz Henrique (Frank);
Daniel (Moreli), Eduardo (Alison) e Cassinho (Minho);
França (Léo Artur), Neto e Fabrício Daniel.
Técnico: Eduardo Baptista
Nacional-PR
Zé Carlos;
Tetê (Ariel), Igor Francisco, Ryan e João Victor;
Gianlluca (Irving), Thiago, Cadinho e Gustavo;
João Pedro e Kenu.
Técnico: Adilson Brito (interino)