Por atraso e falta de policiamento, time da Série D será julgado pelo STJD

O Atlético-RR foi enquadrado no Artigo 191, inciso III, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CJBD)

por Agência Futebol Interior

Boa Vista, RR, 12 (AFI) - Um fato inusitado deu o que falar na quinta rodada da primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série D. Isso porque no duelo entre Atlético Roraima-RR e Ypiranga-AP, disputado em Boa Vista, alguns jogadores tiveram que sair do estádio em busca de uma viatura policia para dar inicio a partida.

Após um atraso de mais de meia hora por conta de falta de uma viatura policial no local, alguns jogadores do time mandante que estavam cansados de esperar pelo início da partida foram até fora do estádio em busca de uma viatura policial que pudesse acompanhar o jogo, para enfim dar começo ao duelo. E, minutos depois, um carro da PM chegou ao local e o jogo foi iniciado.

Tudo isso aconteceu no Estádio Ribeirão, em Boa Vista (Foto: Lucas Luckezie)
Tudo isso aconteceu no Estádio Ribeirão, em Boa Vista (Foto: Lucas Luckezie)
Porém tudo isso foi relatado em súmula e o Atlético-RR, time mandante e responsável pelo policiamento nesta partida, foi denunciado pela demora no inicio da partida e será julgado pelo STJD nesta sexta-feira (12).

ARTIGO
A equipe roraimense foi enquadrada no Artigo 191, inciso III, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CJBD).

O artigo trata das infrações relativas à administração desportiva, às competições e à justiça desportiva de regulamento, geral ou especial, de competição. A multa varia de R$100 a R$ 100 mil.