Série D: Tubarão anuncia saída de treinador e renova com dois meias

Depois de anunciar a saída do gerente de futebol Júlio Rondinelli, a equipe também confirmou a saída do técnico Luizinho Vieira

por Agência Futebol Interior

Tubarão, SC, 14 (AFI) - Após a eliminação precoce ainda na primeira fase da Série D do Campeonato Brasileiro, o Tubarão está passando por uma reformulação de seu elenco e na comissão técnica. Depois de anunciar a saída do gerente de futebol Júlio Rondinelli, a equipe catarinense também confirmou a saída do técnico Luizinho Vieira. Por outro lado, renovou contrato com dois jogadores.

Luizinho assumiu a equipe na reta final do Campeonato Catarinense, e em seis partidas a frente do time no estadual, venceu três, empatou uma e foi derrotado por duas vezes. Com isso, ajudou a equipe a se salvar do rebaixamento, já que terminou na oitava colocação - primeira fora do Z2 - com 17 pontos.

Os meias Roberto e Thales Quadros renovaram contrato com o Tubarão
Os meias Roberto e Thales Quadros renovaram contrato com o Tubarão
Na Série D, também foram seis jogos, com um retrospecto de uma vitória, um empate e quatro derrotas, que deixaram a equipe na lanterna do Grupo A16, com apenas quatro pontos. Fato, que posteriormente, custou o cargo de Luizinho.

RENOVAÇÕES
Por outro lado, o Tubarão anunciou a renovação com dois jogadores até 2021. São os meias: Roberto e Thales Quadros. Roberto, que se destacou no Campeonato Catarinense, teve seu contrato estendido até o mês de dezembro, enquanto Thales renovou até junho.

Roberto está no Tubarão desde 2017. O meia participou duas vezes da Copa São Paulo de Futebol Júnior e foi vice-campeão Catarinense Sub-20 em 2018. A estreia como profissional aconteceu no Campeonato Catarinense deste ano, contra o Joinville. O jogador marcou o primeiro gol da vitória tricolor e iniciou a arrancada para permanência na primeira divisão. Desde então, foi titular em todas as partidas do Peixe no Estadual e na Série D.

O meia Thales Quadros também participou do elenco sub-20 vice-campeão em 2018 e da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2019. A estreia na equipe profissional ocorreu contra o Figueirense, no segundo turno do Catarinense deste ano. O atleta voltou a se destacar durante a Série D, marcando gol diante do São Caetano e sendo titular nas últimas três rodadas da competição.