Palmas-TO 1 x 0 Corumbaense-MS - Eliminados, times se despedem da Série D

O time do Mato Grosso do Sul tinha chances de avançar, mas acabou ficando pelo meio do caminho

por Reinaldo Cisterna

Palmas, TO, 09 (AFI) – Com dez jogadores considerados reservas, o Palmas derrotou o Corumbaense (MS) por 1 a 0, na tarde deste domingo, no Estádio Nilton Santos, na Capital, em jogo válido pela quinta rodada do Grupo A-10 do Brasileiro da Série D.

O Tricolor encerou sua participação na Série D com a única vitória conquistada na competição, já que entrou em campo sem chances de brigar por uma vaga. Ao contrário time do Mato Grosso do Sul, que em caso de vitória teria a chance de garantir a classificação.

Com os resultados da rodada, o Grupo A-10, terminou com o Iporá GO na primeira colocação com dez pontos seguido do Sinop (MT), em segundo com nove, o time da Corumbaense terminou em terceiro com sete e o Palmas, em quarto, com seis pontos. No outro jogo da chave, mesmo com a derrota de 2 a 1 para o Sinop fora de casa, o Iporá garantiu a classificação.

O JOGO
Mesmo sem o compromisso com a partida, o Palmas foi quem tomou a iniciativa do jogo. Mas o primeiro chute a gol só aconteceu aos 31 minutos pelo meia-atacante Cleiton, do Palmas, sem qualquer perigo. Aos 33 minutos, o atacante Tozin cobrando falta levou perigo ao time Sul-Mato-Grossessense, já que bola passou rente ao travessão do goleiro Renan. E foi só.
Segundo tempo

Na etapa final, o Palmas continuou dominando a partida. E logo aos 5 minutos, o zagueiro Jaime, que já tinha cartão amarelo, fez falta no atacante Cecel na entrada da área, e acabou sendo expulso. Aos oito minutos, Wesley Cabeludo tocou para Cleiton na área e o atacante demorou para chutar e a defesa salvou para escanteio.

Jogadores do Palmas antes da partida contra a Corumbaense no Estádio Nilton Santos - Izabela Martins/Palmas
Jogadores do Palmas antes da partida contra a Corumbaense no Estádio Nilton Santos
Aos 26 minutos, o atacante Cecel recebeu passe dentro da área e o goleiro Renan salvou os visitantes de levar o gol defendendo a bola. Aos 34 minutos, no primeiro lance real do time visitante, em jogada de contra-ataque o atacante Pato recebeu na entrada da área e bateu a bola passando perto do goleiro do Palmas, Ian.

Aos 40 minutos, Pato recebeu novamente dentro da área e tocou na saída do goleiro Ian, mas a bola tocou no ombro do goleiro e foi para escanteio. Em menos de dois minutos, Pato desperdiçou duas chances que poderia dar a vitória e classificação à sua equipe. E como diz no futebol.

Quem não faz, leva. Aos 44 minutos, pós cobrança de escanteio o goleiro Renan espalmou a cabeçada forte do zagueiro Edson, mas no rebote o jogador mandou a bola para as redes sacramentando a vitória dos donos da casa por 1 x 0 e eliminando o Corumbaense de avançar .

TOCANTINENSE
Depois de encerrar o Brasileiro da Série D com a vitória, as atenções do Palmas estão voltadas para o jogo da volta das semifinais do Campeonato Tocantinense contra o Interporto, na próxima quarta-feira, 12, às 19 horas. No jogo de ida houve empate por 2 a 2, no Estádio General Sampaio, em Porto Nacional. Um novo empate levará a decisão da vaga para os pênaltis.

O Tricolor, atual campeão Tocantinense tentará seu sétimo título, já que no momento está empatado com o Gurupi. Cada clube conquistou seis vezes o Campeonato Tocantinense.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
6ª rodada
Data
09/06/2019
Horário
18h00
Local
Nilton Santos - Palmas (TO)
Árbitro
Fernando Henrique de Medeiros Miranda - SC

Renda
R$ 1.230,00
Assistentes
Clair Dapper - SC e Diego Leonel Felix - SC

Público
116 pagantes
Cartões Amarelos
Palmas-TO: Mikael, Igor, Cecel
Corumbaense-MS: Gustavo, Digão

Cartões Vermelhos
Corumbaense-MS: Jaime
Gols
Palmas-TO: Edson 43' 2T
Palmas-TO
Ian;
Leite, Edson, Mikael e Felipe;
PC (Igor), Wesley Cabeludo, Cleiton e Petim;
Tozin (Gustavo) e Cecel (Bruno)
Técnico: Cássio Alves
Corumbaense-MS
Renan;
Madson, Vinicius Costa, Jaime e Digão;
Peterson, Gustavo (Lucas Cassiano), Lika e Juninho (Lucas Trindade);
Romarinho e Ítalo Pica-Pau (Pato)
Técnico: Zé Humberto.