Operário-MS 0 x 2 União-MT - Colorado vence e deixa Galo no desespero

O Colorado achou os dois gols na segunda etapa, quando tudo caminhava para o empate sem gols

por Jorge Maciel - Futebolpress

Campo Grande, MS, 12 (AFI) – O União-MT se reabilitou da derrota sofrida na estreia da Série D do Campeonato Brasileiro para a Anapolina-GO e venceu por 2 a 0 o Operário-MS na tarde deste domingo, jogando no estádio Jacques Luz (o Morangão). Os gols foram anotados no segundo tempo por Admil, aos 34 minutos, e Goteira converteu penalidade aos 49 minutos, já nos acréscimos.

Com o resultado, o União respira, e vai receber a Patrocinense-MG, para tentar engatar uma sequência de vitórias. O União somou seus primeiros três pontos e o Operário ainda permanece sem nenhum ponto.

Agora, o Operário-MS terá que vencer, em tese, todas as próximas partidas e o União vai depender apenas de si para passar à fase seguinte, que está em terceiro no Grupo 11. Pelo regulamento da Série D, classificam-se os campeões dos grupos e os 15 segundo lugares melhor pontuados.

O duelo aconteceu no Jacques Luz (Morangão), pois  o Morenão não apresentou laudos de segurança
O duelo aconteceu no Jacques Luz (Morangão), pois o Morenão não apresentou laudos de segurança
PRIMEIRO TEMPO
Muito truncado, com muitas paradas e faltas desnecessárias, a partida não rendeu muito ao pequeno público que foi ao Estádio Jacques Luz, o Morangão. Com os dois precisando vencer, pois vinham de derrota na estreia e vendo Patrocinense-MG e Anapolina-GO na dianteira, a iniciativa partiu após os 20 minutos pelo Operário-MS, principalmente pela velocidade de Regis e as triangulações entre Kadu e Igor. O goleiro colorado Neneca, entretanto, estava em tarde feliz e evitou por duas vezes investidas perigosas do “Galo”.

O União, desconcentrado, tentava com Kalil e Goteira algumas jogadas, duas das quais bem interceptadas pelo bom goleiro Jota. No final do primeiro tempo, Jefinho cabeceou firme, no alto, mas o goleiro operariano espalmou para escanteio.

SEGUNDO TEMPO
Na volta dos vestuários, o União iniciou uma pressão, sabedor que só a vitória interessava. Caê Cunha trocou Alysson por Dinei e Jefinho por Admil e o time ganhou mais velocidade. Pelo lado alvinegro, Celso Rodrigues avançou Ígor e Kadu para dar maior poder ofensivo. Nos momentos finais, os dois times foram envolvidos pelo nervosismo. Numa bobeira da zaga, que rebateu fraco para a entrada da área, Admil chegou chutando forte no canto do goleiro Jota, abrindo o placar aos 34 minutos: União 1 a 0.

Atrás no marcador, o Operário se lançou desesperado para cima, enquanto que o União se fechou e passou a buscar os contra-ataques. O Operário ainda trocou Kadu por Coruja, que deu trabalho. Quando o Operário fazia uma grande pressão, o atacante colorado Goteira foi derrubado na grande área e o árbitro Paulo César Zanovelli marcou a penalidade. O mesmo Goteira bateu e fez.

PRÓXIMOS JOGOS
O Operário-MS volta a campo no próximo sábado, dia 18, contra a Anapolina-GO, em Anápolis (GO). Já o União-MT recebe a Patrocinense-MG, no próximo domingo, 19, no Luthero Lopes, em Rondonópolis.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
2ª rodada
Data
12/05/2019
Horário
16h00
Local
Morangão - Campo Grande (MS)
Árbitro
Paulo Cesar Zanovelli da Silva-MG

Renda
R$ 3.940,00
Assistentes
Marconi Helbert Vieira-MG e Magno Arantes Lira-MG

Público
426 torcedores
Cartões Amarelos
Operário-MS: Jonatan, Firmino, Luís Fernando
União-MT: Felipe, Admil, Geovane, Oscar

Gols
União-MT: Admil 34' 2T, Goteira 49' 2T
Operário-MS
Jonatan;
Thiago Rodrigues, Carlos Alberto, Bruno e Alan;
Daniel (Araujo), Ygor, Luis Fernando e Cadu Padilha (Firmino);
Gegis e Lucas Kattah (Dill).
Técnico: Celso Rodrigues
União-MT
Neneca;
Bruno (Talison), Felipe, Oscar e Rafael;
Nildo, Léo Coca, Jefinho (Adinil) e Geovane (Dinei);
Goteira e Kalil.
Técnico: Caé Cunha