Série D: Sem mistério, técnico do Imperatriz-MA destaca bola aérea do rival

“No jogo aqui, eles fizeram muito a jogada aérea, têm uma bola parada muito boa, tem um jogador muito alto, o Hamilton", alertou

por Agência Futebol Interior

Imperatriz, MA, 06 (AFI) - Às vésperas do confronto decisivo pelo acesso no Campeonato Brasileiro Série D, o Imperatriz conta com modesta vantagem para o jogo de volta contra o Manaus-AM. Para o técnico do Cavalo de Aço, Marcinho Guerreiro, já foi possível conhecer as características do adversário e o clube maranhense buscará o gol em algumas oportunidades.

“No jogo aqui, eles fizeram muito a jogada aérea, têm uma bola parada muito boa, tem um jogador muito alto, o Hamilton, que recebe muita bola alçada para fazer o desvio ou o pivô. Mas deu para conhecer a característica dos jogadores. Alguns eu já conhecida, mas nós não conhecíamos o time do Manaus. Já vimos alguns jogos da Copa Verde, mas provavelmente eles vão ter que sair para o jogo em casa, tem que buscar o resultado porque precisam de gols. Vamos trabalhar algumas variações e situações para se precaver e ter algumas condições de chegar no gol deles”, disse o treinador em entrevista exclusiva ao site SportsManaus.
Imperatriz venceu por 1 a 0 na partida de ida
Imperatriz venceu por 1 a 0 na partida de ida

O técnico do Imperatriz, Marcinho Guerreiro, não terá problemas de contusão ou de ordem disciplinar para a partida historica da equipe contra o Manaus no próximo domingo no estádio da Colina, às 18h. Sem qualquer mistério, o treinador já definiu que a equipe será a mesma que derrotou o Manaus no último domingo por 1 a 0.

A equipe irá a campo com: Jean; Gabriel Paulino, André Penalva, Michael e Renan Luís; Cloves, Daniel Barros e Eloir; Jefferson Kanu, Kaká e Jr Chicão.

O Cavalo de Aço joga por um simples empate no jogo de volta na capital Amazonense, que conquistará um acesso inédito em sua história, no caso, a série C de 2019.

 
 
" />