Flávio Araújo fala em personalidade para encarar as oitavas da Série D

Treze passu pela URT nos pênaltis e, agora, vai encarar o Iporá pelas oitavas de final

por Agência Futebol Interior

Campina Grande, PB, 11 (AFI) - O técnico Flávio Araújo (foto) quer que o Treze tenha personalidade para encarar o Iporá nas oitavas de final da Série D do Campeonato Brasileiro. O primeiro jogo será no Presidente Vargas, em Campina Grande. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda divulgará as datas, horários e locais.

"Eu costumo trabalhar etapa a etapa. Agora vamos pensar no Iporá. Precisamos ter personalidade. Somente esses dois próximos jogos me interessam, depois a gente pensa na sequência", disse o comandante em entrevista coletiva.

Chegar às oitavas de final não foi fácil. O Treze só eliminou a URT nos pênaltis (3 a 2) após empate, por 1 a 1, no tempo normal. Flávio Araújo gostaria de um pouco menos de emoção.

"Acredito que tenha faltado um pouco de maturidade ao grupo na reta final. Naquela situação, você, sendo jogador, precisa mirar a cabine de imprensa e mandar a bola para lá. Isso até a partida ser encerrada. Mas, por outro lado, a URT possui o mérito, já que se mantiveram em cima para empatar, completou Flávio Araújo.

 
 
" />