Série C: CBF confirma reabertura do Baenão e antecipa jogo do Paysandu

Estádio de quase 102 anos vai ser reaberto pelo Remo diante do Luverdense. O Papão vai pegar o Juventude mais cedo no Sul

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 9 (AFI) - O Departamento de Competições da CBF confirmou, nesta terça-feira, as mudanças dos jogos dos dois rivais de Belém; Remo e Paysandu. Ambos fazem parte do Grupo B do Campeonato Brasileiro da Série C. Enquanto o Remo vai reinaugurar o Baenão, o Paysandu vai enfrentar o Juventude mais cedo em Caixas do sul (RS) no próximo fim de semana.

Os dois jogos são válidos pela 12.ª rodada e serão realizados no sábado. O Remo vai reabrir o estádio Evandro Almeida, que está sem receber um jogo oficial há cinco anos, desde que foi interditado por falta de segurança.

FESTA NO BAENÃO
O jogo contra o Luverdense foi antecipado das 17 para as 15 horas, porque o Baenão não conta com sistema de iluminação.

Os torcedores que compraram o voucher poderão realizar a troca pelo kit exclusivo na quinta (11) e sexta (12), no salão nobre da sede social do Clube do Remo, das 9h às 20h. No sábado (13), somente de manhã.

Baenão volta a ser liberado após cinco anos
Baenão volta a ser liberado após cinco anos

RETORNO DO REI AO BAENÃO
O estádio Evandro Almeida é propriedade do Clube do Remo. Popularmente conhecido por Baenão, devido a sua localização na Travessa Antônio Baena em Belém do Pará.

A reforma de revitalização ocorreu graças a torcida e o projeto "Retorno do Rei ao Baenão", na qual estão sendo fundamentais. O projeto vinha acontecendo desde 2017.

Fundado em 15 de agosto de 1917, o Baenão vai completar 102 anos. A sua capacidade é de 13.792, embora o seu recorde seja algo absurdo se comprado com os dias de hoje. O estádio recebeu 33.487 no dia 7 de setembro de 1976 no clássico RE-PA, válido pelo Brasileirão, vencido pelo Remo por 5 a 2.

JOGO ANTECIPADO
De outro lado, o Paysandu vai pegar o Juventude mais cedo. O jogo estava inicialmente marcado para as 19h15, porém, foi antecipado para as 17 horas. É uma chance do Papão sentir menos frio lá no Sul.

Os dois clubes paraenses vão brigar para se manter no G4 – zona de classificação. Ambos têm 17 pontos e o Remo é terceiro colocado apenas pelo saldo de gols: 3 a 1. Estão atrás de dois gaúchos. O São José-RS tem 18 e o Juventude lidera com 19.