Operário-PR 1 x 1 Bragantino - Massa Bruta arranca empate e se classifica

O time paulista garantiu a vaga graças a derrota do Luverdense, que caiu para o Joinville por 4 a 2

por Agência Futebol Interior

Ponta Grossa, PR, 05 (AFI) - O Bragantino garantiu a classificação para as quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro. Jogando em Ponta Grossa, o time de Marcelo Veiga arrancou o empate por 1 a 1 com o Operário-PR no estádio Germano Kruger, pela 17ª rodada do Grupo B. Bruno Batata abriu o placar ainda no primeiro tempo, mas Vitinho deixou tudo igual. O time paulista garantiu a vaga graças a derrota do Luverdense, que caiu para o Joinville por 4 a 2.

Com o resultado fora de casa, o Bragantino chegou a 26 pontos, confirmado como o quarto colocado do Grupo B. Na próxima fase o clube vai enfrentar o líder, que ainda está em disputa. O Operário chegou a 35 com o empate, enquanto o Botafogo fechou a rodada com 34.

DEFENSIVO

Seguindo a tendência da Copa do Mundo, o Bragantino tentou jogar ‘sem a bola’. O time se postava defensivamente e deixava o adversário trocar passes, esperando um erro para puxar o contra-ataque. Com oito minutos a tática já poderia ter dado resultado, quando Buiú cruzou para a grande área e a marcação cortou mal. Ela sobrou para Rafael Chorão, que arrisca um chute forte, mas pelo lado de fora da rede.

Mas o Operário conseguiu furar o forte esquema de marcação do time paulista aos 25 minutos de bola rolando. Clayton vinha dando trabalho pelas pontas, até que aparece com liberdade para cruzar na medida para Bruno Batata, que completou com força para o fundo das redes. Dali em diante o time da casa manteve a proposta de controlar a partida, mas arriscava bem menos, se aproveitando do resultado parcial.

PRA CIMA

Para o segundo tempo o técnico Marcelo Veiga conseguiu corrigir os problemas da etapa inicial. Tirou Marlon para colocar Marquinhos, tornando o time mais ofensivo, recusando Fabiano para a lateral-esquerda. A mudança surtiu efeito com 14 minutos. Em jogada de velocidade, Vitinho recebeu frente a frente com o goleiro e tocou por cima de Simão.

Com o empate o jogo tomou um novo rumo. O Operário voltou a se arriscar, enquanto o Bragantino passou a se soltar um pouco mais, já não tão mais depende de um contra-ataque. Com 34 minutos, Dione encontrou Clayton, que limpou a marcação e acabou errando na finalização. Depois, com 43, Gustavo Vintecinto aproveitou um escanteio para testar para o fundo das redes, mas o árbitro invalidou o lance e marcou falta, no que seria o gol da vitória paulista.

PRÓXIMOS JOGOS

No próximo sábado, às 17 horas, o Bragantino enfrenta o Cuiabá no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, enquanto o Luverdense recebe o Operário-PR no Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde, no mesmo dia e horário. Os dois jogos valem pela 18ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
17ª rodada
Data
05/08/2018
Horário
15h30
Local
Germano Krüger - Ponta Grossa (PR)
Árbitro
Dyorgines Jose Padovani de Andrade - ES

Assistentes
Fabiano da Silva Ramires - ES e Vanderson Antonio Zanotti - ES

Cartões Amarelos
Operário-PR: Peixoto, Robinho, Simão, Rafael Soares
Bragantino-SP: Adenílson, Rafael Chorão, Juliano, Júnior Goiano

Gols
Operário-PR: Bruno Batata 25' 1T
Bragantino-SP: Vitinho 14' 2T
Operário-PR
Simão;
Léo, Peixoto, Sosa e Raphael Soares;
Erick, Lucas Batatinha (Dione), Índio e Xuxa (Robinho);
Bruno Batata (Schumacher) e Clayton.
Técnico: Gerson Gusmão
Bragantino-SP
Alex Alves;
Buiú, Juliano, Júnior Goiano e Marlon (Marquinhos);
Adenilson, Magno, Fabiano, Vitinho (Fernandinho) e Rafael Chorão;
Matheus Peixoto (Gustavo Vintecinco).
Técnico: Marcelo Veiga
 
 
" />