Tupi 2 x 1 Volta Redonda - Gol de pênalti aos 50 minutos deixa o Galo vivo na Série C

Com 20 pontos, em sétimo lugar, o time mineiro vai decidir o seu futuro na última rodada quando vai enfrentar o Ypiranga, em Erechim

por Agência Futebol Interior

Juiz de Fora, MG, 4 (AFI) – Com um gol de pênalti marcado aos 50 minutos do segundo tempo, o Tupi venceu o Volta Redonda, por 2 a 1, neste sábado à tarde, no estádio Mário Helênio, pela 17.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C. O resultado manteve o Galo Carijó vivo na sua luta contra o rebaixamento dentro do Grupo B.

Com 20 pontos, em sétimo lugar, o time mineiro vai decidir o seu futuro na última rodada quando vai enfrentar o Ypiranga, em Erechim (RS), na última rodada da fase de classificação.

O time gaúcho, nesta tarde, perdeu por 2 a 0, para o Botafogo, em Ribeirão Preto, e continua com 19 pontos, em nono lugar, só na frente do rebaixado Joinville.

Com 19 pontos, em oitavo lugar (6 vitórias contra 5 do Ypiranga), o Volta Redonda também segue ameaçado. Vai precisar vencer em casa o rebaixado Joinville para não depender de nenhum resultado no confronto direto entre Ypiranga e Tupi.

Com a sola do pé Potita marcou o primeiro gol do Tupi, que ainda segue ameaçado pelo descenso
Com a sola do pé Potita marcou o primeiro gol do Tupi, que ainda segue ameaçado pelo descenso

COM PRESSÃO
O jogo começou com pressão do visitante, que dominou os 20 minutos inicias e criou três grandes chances para marcar seu gol. Duas vezes a bola parou nas defesas do goleiro Ricardo Vilar.

Na outra vez a sorte ajudou, porque aos nove minutos, o chute de virada de Jhuliam saiu forte, mas explodiu no travessão.

Aos poucos, porém, o time mineiro melhorou e também criou duas boas chances, exigindo boas defesas do goleiro Douglas Borges. Mas o gol estava maduro e saiu aos 41 minutos.

Depois do levantamento de falta, a bola foi desviada levemente no primeiro pau e sobrou de outro lado para a entrada de Potita. Com a sola do pé ele empurrou para as redes.

FÉ E BRIGAS
No intervalo todos os jogadores do Tupi se reuniram numa parte do campo e se deram as mãos num grito de confiança.

Na volta para o segundo tempo, parte da torcida do Volta Redonda chegou ao estádio, porém, gerando confusão. As organizadas Febre Amarela e Esquadrão da Vila entraram em confronto com a Torcida da TRIBO, do Tupi. A Polícia Militar agiu rápido, soltou bombas de efeito moral e deu umas borrachadas nos torcedores mais exaltados.

EMPATE DE PÊNALTI
O Voltado, de novo, reiniciou o jogo na pressão, em busca do gol. E conseguiu num lance esquisito, quando o zagueiro e capitão Sidimar tentou deixou a bola chegar nas mãos de Ricardo Villar e não percebeu a aproximação de Jhuliam. Assustado o zagueiro tocou no atacante e cometeu pênalti.

Na cobrança, Marcelo foi perfeito. Bateu forte, seco, sem chances de defesa para Vilar aos 17 minutos. Tudo igual. Sidimar, capitão mineiro, recebeu o terceiro cartão amarelo e está suspenso para o último jogo.

MUITAS TROCAS
Não dava mais para esperar nada e os técnicos começaram a mexer nos seus times. O Volta Redonda parecia mais bem preparado fisicamente. O técnico Ailton Ferraz percebeu isso e

Jogadores do Galo festejaram muito a vitória no final
Jogadores do Galo festejaram muito a vitória no final
começou a trocar no Tupi.

Primeiro tirou Potita para a entrada de Paulinho; depois sacou o inoperante atacante Reis para a entrada de Breno e minutos depois arriscou tudo com a entrada de Wellington Batista para a vaga de Marcel.

VITÓRIA NO FIM
Deu desespero e faltou competência ao Tupi para tentar a vitória. O Volta Redonda tratou de se garantir na defesa, mesmo perdendo, aos 42 minutos, o lateral-direito Luiz Gustavo, expulso por falta violenta.

Só não contava com um lance de falta aos 48 minutos em cima de João Willian, que se transformou num pênalti.

Na cobrança perfeito de Diego Luís, o Tupi fez 2 a 1 e garantiu a vitória diante de sua torcida.

ÚLTIMOS JOGOS
O Tupi fará o jogo decisivo e ‘ mortal’ contra o Ypiranga, em Erechim (RS), no próximo sábado, a partir das 17 horas. No mesmo horário, o Voltaço vai ter que buscar um bom resultado diante do já rebaixado Joinville.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
17ª rodada
Data
04/08/2018
Horário
16h00
Local
Mário Helênio - Juiz de Fora (MG)
Árbitro
Dewson Fernando Freitas da Silva - PA

Renda
R$ 8.140,00
Assistentes
Helcio Araujo Neves - PA e Heronildo S Freitas da Silva - PA

Público
656 pagantes (997 total)
Cartões Amarelos
Tupi-MG: Sidmar, Potita
Volta Redonda-RJ: Daniel , Bruno Costa, Diego Maia , João Cleriston

Cartões Vermelhos
Volta Redonda-RJ: Luís Gustavo
Gols
Tupi-MG: Potita 43' 1T, Diego Luís 50' 2T
Volta Redonda-RJ: Marcelo 17' 2T
Tupi-MG
Ricardo Vilar;
Fábio, Diogo, Sidimar e Magalhães;
Diego Luis, Marcel (Wellington Batista), Rodrigo Dantas e Potita (Paulinho);
Reis (Breno) e João William.
Técnico: Aílton Ferraz
Volta Redonda-RJ
Douglas Borges;
Luís Gustavo, Daniel Felipe, Bruno Costa e Diego Maia;
João Clériston, Marcelo, Bileu e Luís Paulo (Romarinho);
Dija Baiano (Luan) e Jhulian (Pablo).
Técnico: Moacir Júnior
 
 
" />