Operário praticamente nas quartas e Z2 em aberto: as chances do Grupo B da Série C

Time dentro da zona de classificação vivem cenário bastante positivo para confirmar vaga na próxima fase

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 09 (AFI) - A fase de grupos da Série C está acabando. Agora, o velho discurso de ‘todo jogo é uma final’ é mais válido do que nunca para boa parte das equipes. No grupo B, a máxima vale principalmente para os times fora do G4, já que os que estão dentro da zona de classificação vivem um cenário tranquilo para a disputa das cinco rodadas que restam.É isso que apontam os dados do site Chance de Gol e também a própria tabela, que por si só evidencia a distância entre os clubes.

Para o líder Operário Ferroviário, apenas uma completa tragédia compromete a classificação. Com 29 pontos, o time de Ponta Grossa está a 14 do quinto colocado Luverdense, primeiro time fora do G4. Como restam 15 pontos em disputa, o Operário garante a classificação se vencer o Tombense neste sábado. Até mesmo um empate, dependendo dos outros resultados, confirma a vaga. Com isso, a chance da classificação é de 99.95%.

A vida dos outros atuais integrantes da zona de classificação da chave não está tão fácil quanto a do líder, mas o caminho se desenha de maneira tranquila. O vice-líder Cuiabá, com 25 pontos, tem 99.3% nas probabilidades, mesmo número atribuído ao terceiro colocado Botafogo-SP, que tem 24 pontos. O quarto colocado Bragantino, também com 24, é apontado com 97.4% de chances.

Operário está perto da vaga e Joinville caminhado para o rebaixamento. (Foto: Beto Lima / JEC)
Operário está perto da vaga e Joinville caminhado para o rebaixamento. (Foto: Beto Lima / JEC)
No caso do Cuiabá, existe a possibilidade de classificação já na rodada deste final de semana. Para isso acontecer, o time mato-grossense precisa vencer o Joinville e contar que Luverdense, Tombense e Ypiranga (todos com 15 pontos) percam para Volta Redonda, Operário e Bragantino, respectivamente.

DISTANTE
Na quinta colocação, o Luverdense está em uma situação que expõe a dificuldade de um time que não ocupa o G4 no momento conseguir uma vaga nas quartas. A distância para o quarto colocado Bragantino é de nove pontos e a chance de avançar é de 2.6%, contra 8.1% de rebaixamento.

O sexto colocado Tombense e o sétimo Ypiranga aparecem com 0.6% e 0.3%, respectivamente, de chances de classificação. Quando o assunto é rebaixamento os números aumentam consideravelmente. Para o time mineiro, é de 12,3% e para o Canarinho é de 25.8%.

Diferente da briga pela classificação, a luta contra o rebaixamento ainda está bastante equilibrada. Último time fora do Z2, o Tupi tem 14 pontos e menos chances de cair do que o Ypiranga, com 20.5%. Já dentro da degola, o vice-lanterna Volta Redonda tem 13 pontos e 39.8% de probabilidade de ser rebaixado. A situação mais complicada é do Joinville, que tem dez pontos e 90.5% de chances de disputar a Série D em 2019.

 
 
" />