Oeste 2 x 1 Santo André – Carregado por Beija-Flor, Rubrão entra no G4

O atacante marcou dois gols em uma partida polêmica e com três expulsões

por Agência Futebol Interior

Itápolis, SP, 28 (AFI) - Em uma noite inspirada do atacante Marcinho Beija-Flor, que marcou dois gols, o Oeste fez o dever de casa ao vencer o Santo André, por 2 a 1, na noite desta sexta-feira, no Estádio dos Amaros, pela 14ª rodada do Grupo B do Campeonato Brasileiro da Série C, e entrou, pelo menos de forma provisória, no G4.

Com esse resultado positivo, o Rubrão chegou aos 21 pontos e assumiu a terceira colocação, mas pode perder algumas posições no complemento da rodada. Já o Ramalhão segue em situação delicada, pois estacionou nos 16 e corre o risco de entrar na zona de rebaixamento caso o Madureira vença o Caxias, em casa.

O jogo!
O Oeste começou em cima do Santo André e por muito pouco não abriu o placar aos 12 minutos. Wanderson cruzou para dentro da área, Ricardo Oliveira cabeceou no meio do gol e Gustavo mostrou muito reflexo ao defender a bola, espalmando para escanteio. O Ramalhão assustava apenas nos contra-ataques, mas sem levar muito perigo ao goleiro Fernando Leal. Na sequência, Marcinho Beija-Flor aproveitou sobra e bateu travado com o zagueiro Júnior Paulista.

A partida era bastante fraca tecnicamente e os jogadores mostravam muito nervosismo dentro de campo, tanto que por duas vezes o árbitro precisou controlar os ânimos. Ligeiramente melhor em campo, o Oeste abriu o placar aos 37 minutos. Wanderson passou para Dedê, que foi até a linha de fundo e cruzou para dentro da área. Marcinho Beija-Flor se antecipou ao zagueiro adversário e completou para o fundo das redes.

Atrás do marcador, o Santo André voltou do intervalo pressionado o Oeste, mas foi o Rubrão que criou a primeira grande chance. Samuel invadiu a área e ao invés de chutar tentou o passe, sendo cortado pela zaga. O castigo veio aos 20. Raul Diogo cobrou falta para dentro da área, Fábio Santos dividiu com o goleiro Fernando Leal e a bola foi morrer no fundo das redes. Porém, o Rubrão voltaria a ficar na frente aos 30.

Lelê cruzou para a área, o goleiro Gustavo deu rebote e Marcinho Beija-Flor mostrou oportunismo para marcar seu segundo gol na partida. Por muito pouco os donos da casa não marcaram o terceiro logo depois. No final da partida, Paulo Vitor, do Oeste, e Juninho, do Santo André, se estranharam e foram expulsos pelo árbitro, deixando os dois times com dez jogadores em campo. Aos 47, Cadu deixou tudo igual para o Ramalhão, mas o árbitro anulou após conversa com o bandeirinha. Na sequência, Dedê foi expulso e o Oeste terminou com nove.

Próximos jogos
Os dois times voltam a campo no próximo sábado, pela 15ª rodada do Grupo B da Série C. O Oeste enfrenta o Duque de Caxias, às 16 horas, fora de casa, enquanto o Santo André recebe o Tupi, às 15h30, no Estádio Bruno José Daniel.

Ficha Técnica

Fase
1ª Fase
Rodada
14ª rodada
Data
28/09/2012
Horário
19h30
Local
Estádios dos Amaros, em - Itápolis (SP)
Árbitro
Rodrigo Braghetto (SP)

Assistentes
Danilo Ricardo Simon Manis e Alberto Poletto Masseira

Oeste-SP
Fernando Leal;
Dedê, Eduardo, Dezinho e Lucas Pavoni;
Liger, Paulo Vitor e Wanderson (Alex Silva);
Samuel (Lelê), Marcinho Beija-Flor (Diego Dedoné) e Ricardo Oliveira.
Técnico: Luiz Carlos Martins
Santo André-SP
Gustavo;
Alex (Cadu), Junior Paulista, Tyrone e Raul Diogo;
Claudio Britto, Mineiro (Junai), Juninho e Bady;
Fábio Santos (Batata) e Borebi.
Técnico: Gerson Gusmão