Seleção da Série C vem no 4-4-2, comandada por Beto Almeida

Além disso, jogadores importantes dos seus times marcam presença

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 29 (AFI) - A Seleção da segunda rodada do returno do Campeonato Brasileiro da Série C veio no esquema tradicional, o 4-4-2. O time é comandado por Beto Almeida, que teve muito trabalho nesta semana e no clássico de domingo colocou em campo um Juventude totalmente diferente, resultadando no importante ponto conquistado fora de casa.

No resto, a Seleção vem recheada de jogadores importantes, que ajudaram seus times a balançar as redes e conquistar pontos importantes.

Confira a Seleção do Campeonato Brasileiro da Série C:

Goleiro: Sergio (Marília) - Foi o grande responsável pelo ponto fora de casa conquista pelo MAC. O goleiro salvou o time, que atuou boa parte da segunda etapa com um homem a menos.

Lateral-direito: Totonho (Ituiutaba) - Um guerreiro em campo, não parou de correr por nenhum minuto, ajudou muito na defesa e quado foi ao ataque, quase furou o bloqueio do Gama.

Zagueiro: Lacerda (Luverdense) - Um touro no setor defensivo! Teve muito trabalho com o rápido ataque do MAC. Nas bolas aéreas sempre levava muito perigo e foi assim, que fez um dos gols do LEC.

Zagueiro: Ari (Águia) - Uma bomba! Foi com muita força, que o zagueiro fez o primeiro gol do Águia, na vitória contra o Paysandu. Quando o Papão veio para cima, ele foi importante para garantir os três pontos no clássico paraense.

Lateral-esquerdo: Celsinho (Juventude) - Jogou pregado no campo defensivo, poucas vezes foi ao ataque, mas quando ia, era muito perigoso. Além de marcar o primeiro do empate contra o Caxias, por 2 a 2, participou de três lances que quase culminaram na vitória do alviverde.

Volante: Régis (Fortaleza) - Além de segurar a pressão do São Raimundo no final do jogo, o volante foi importante no ataque ao marcar um gol, da vitória de 2 a 1, contra a Pantera, no Ceará.

Volante: Thiago Gaúcho (Gama) - Trabalho! Foi essa palavra que ficou na cabeça do do volante na tarde de domingo. Contra o Ituiutaba, ele controlou bastante o poderio ofensivo mineiro e foi um dos heróis do Gama, que conquistou um importante fora de casa.

Meia: Fernando (Luverdense) - Jogador de toque refinado na bola. Tem uma visão de jogo, que poucos tem. Neste domingo, fez um gol de pênalti, que ajudou o Luverdense empatar com o MAC, por 2 a 2.

Meia: Edu Chiquita (Salgueiro) - O Salgueiro precisava da vitória para se aproximar dos adversáriso e tentar escapar da zona de rebaixamente e coube ao meia fazer o primeiro gol que levou os pernambucanos a vitória.

Atacante: André Cassaco (Alecrim) - Nome certo na Seleção da Série C, o atacante fez o primeiro do Verdão, contra o ABC, neste domingo. E, o seu gol foi uma pintura. Ele roubou a bola na defesa do alvinegro, passou por um zagueiro e chutou muito forte.

Atacante: Palacios (Caxias) - Nunca um estrangeiro tinha balançado as redes no clássico Caju e coube ao colombiano fazer dois gols e garantir o empate para o Caxias, no último minuto do jogo. (Foto acima com o público no clássico Caju)

Técnico: Beto Almeida (Juventude) - O Juventude teve azar no jogo deste domingo, contra o Caxias, levou o gol de empate aos 50 minutos do segundo tempo. Mas, Beto Almeida entrou em campo neste domingo com uma formação diferente, que resultou no importante ponto conquistado.