Paraná 2 x 0 CSA - Fim de jejum não evita Z4 e CSA continua no G4 da Série B

Paraná abre a zona de rebaixamento, enquanto o CSA foi beneficiado pela derrota do Juventude contra o Brasil-RS

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 12 (AFI) - Na sua luta desesperada para evitar a queda à Série C em 2021, o Paraná venceu o CSA por 2 a 0, nesta terça-feira à noite pela 34.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O Paraná quebrou o jejum de quatro jogos sem vitória, porém, com 36 pontos, ganhou uma posição, mas segue na 17.ª posição e abre a zona de rebaixamento.

Mesmo com a derrota, o CSA continua em quarto lugar com 52 pontos, mesma pontuação do Juventude que perdeu por 2 a 1 para o Brasil, em Pelotas (RS). O time alagoano leva vantagem no número de vitórias: 15 a 14.

VEJA OS GOLS E MELHORES MOMENTOS


PRESSÃO E GOLS
Determinado acabar com a má fase, o Paraná iniciou o jogo na pressão. E saiu na frente ao sete minutos, numa jogada pelo lado esquerdo da área com Jean Victor. Ele chutou rasteiro, a bola bateu no zagueiro Rodolfo Filemon e voltou. Daí o paranaense não perdoou, batendo cruzado e no alto.

Mas o jogo seguia equilibrado, com o CSA tentava achar a melhor forma de furar o bloqueio defensivo do time da casa. Mas o Paraná ampliou numa cobrança de falta de Renan Bressan, aos 24 minutos. Na frente da área, ele bateu por cobertura, passou a barreira e superou o goleiro Matheus Mendes.

Paraná fez dois gols no começo e depois se segurou. Foto: Paraná Clube - Oficial
Paraná fez dois gols no começo e depois se segurou. Foto: Paraná Clube - Oficial
MELHORA NA VOLTA
Apesar do esforço, o CSA não criou nenhuma chance real no primeiro tempo. No começo do segundo tempo, porém, o CSA voltou com Gabriel no lugar de Rodolfo Filemon e com determinação de buscar o ataque.

Márcio Coelho: primeira vitória no Paraná
Márcio Coelho: primeira vitória no Paraná

Tanto que quase marcou aos três minutos. Após cruzamento vindo do lado direito, a bola quicou no meio da área e sobrou no segundo pau para Rafael Bilu. Ele cabeceou sem ângulo, a bola explodiu na trave e saiu.

RECUO ESTRATÉGICO
Mas o Paraná, de forma inteligente, passou a se defender bem, segurando a bola e tentando impor volume de jogo.

O CSA, sem muitas alternativas, insistiu nos cruzamentos aéreos, onde prevaleceu o bom posicionamento dos zagueiros.

PRÓXIMOS JOGOS
Pela 35.ª rodada, o Paraná já volta a campo diante do Sampaio Corrêa, sexta-feira, 15, às 19h15 no estádio Castelão em São Luis (MA). O CSA vai receber o Avaí no estádio Rei Pelé, sábado, ás 16h30.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
34ª rodada
Data
12/01/2021
Horário
19h15
Local
Durival Britto - Curitiba (PR)
Árbitro
Emerson de Almeida Ferreira (MG)

Assistentes
Celso Luiz da Silva (MG) e Marcyano da Silva Vicente (MG)

Cartões Amarelos
CSA-AL: Rodrigo Andrade

Gols
Paraná-PR: Jean Victor 7' 1T, Renan Bressan 24' 1T
Paraná-PR
Renan;
Paulo Henrique, Rafael Lima, Fabrício e Jean;
Higor Meritão, Karl, Renan Bressan (Kazu) e Thiago Alves (Juninho); Gabriel Pires (Kaio) e Bruno Lopes (Bruno Gomes).
Técnico: Márcio Coelho.
CSA-AL
Matheus Mendes;
Norberto (Cedric), Rodolfo Filemon (Gabriel), Luciano Castán e Diego Renan;
Geovane, Yago e Nadson (Rodrigo Andrade);
Rodrigo Pimpão (Rone), Paulo Sérgio e Rafael Bilu (Andrigo).
Técnico: Mozart.