Operário 3 x 1 Náutico - O Fantasma deu as caras na sexta-feira 13!

A segunda vitória seguida do time paranaense pode resultar na demissão de Gilson Kleina no Timbu

por Agência Futebol Interior

Ponta Grossa, PR, 13 (AFI) - Não poderia ser diferente. Na sexta-feira 13, o Fantasma passeou no Germano Kruger. Com dois gols de Douglas Coutinho e um do estreante Ricardo Bueno, o Operário ganhou do Náutico, por 3 a 1, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

A segunda vitória seguida fez o Operário chegar aos 29 pontos e subir para a oitava colocação, voltando a sonhar com o acesso. Por outro lado, o Náutico chegou ao quarto jogo seguido sem vitória e estacionou nos 20 pontos, abrindo a zona de rebaixamento na 17ª colocação.

Com apenas uma vitória nos últimos 11 jogos, o técnico Gilson Kleina balança no cargo e não será surpresa se for demitido nas próximas horas pela diretoria alvirrubra.

VEJA OS MELHORES MOMENTOS

ESTREANTE PÉ QUENTE
O Operário começou em cima do Náutico e criou a primeira chance em cabeçada de Douglas Coutinho, defendida no reflexo por Halls. O time pernambucano tinha dificuldades para criar e, quando conseguiu, Kieza resolveu passar ao invés de chutar e desperdiçou boa oportunidade.

Mais agressivo, o Operário parou mais uma vez em Halls após chute rasteiro de Jean Carlo. Quando parecia que o primeiro tempo terminaria empatado, o estreante Ricardo Bueno recebeu de Fabiano e soltou a bomba, sem chances para o goleiro alvirrubro.

Ricardo Bueno fez gol em sua estreia pelo Operário (Foto: André Jonnson/OFEC)
Ricardo Bueno fez gol em sua estreia pelo Operário (Foto: André Jonnson/OFEC)

AGITADO
Na volta do intervalo, o Operário dominava a posse da bola e não deixava o Náutico jogar, tanto que ampliou aos 20.

Douglas Coutinho recebeu na entrada da área, puxou para o meio e bateu no cantinho. Mas o time pernambucano voltou para o jogo dez minutos depois.

GOL DE BICO
Kieza tabelou com Ruy e, de bico, mando no canto de Thiago Braga. Empolgado, o Náutico partiu com tudo em busca do empate, mas acabou ficando exposto e sofreu o terceiro, aos 44. Tomas Bastos cruzou rasteiro e Douglas Coutinho completou para o gol aberto.

Nos acréscimos, o Operário só não fez o quarto porque a falta cobrada por Tomas Bastos explodiu no travessão de Halls, que só olhou.

PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a campo no próximo sábado, pela 22ª rodada. O Operário recebe o América-MG, às 16h30, no Germano Kruger, em Ponta Grossa, enquanto o Náutico enfrenta o CRB, às 19 horas, no Rei Pelé, em Maceió.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
21ª rodada
Data
13/11/2020
Horário
16h30
Local
Germano Kruger - Ponta Grossa (PR)
Árbitro
Grazianni Maciel Rocha (RJ)

Assistentes
Daniel do Espírito Santo Parro (RJ) e Carlos Henrique de Souza (RJ)

Cartões Amarelos
Operário-PR: Leandro Vilela
Náutico-PE: Rhaldney , Dudu, Ronaldo Alves

Gols
Operário-PR: Ricardo Bueno 45' 1T, Douglas Coutinho 20' 2T, Douglas Coutinho 43' 2T
Náutico-PE: Kieza 31' 2T
Operário-PR
Thiago Braga;
Alex Silva, Bonfim, Juan Sosa e Fabiano;
Leandro Vilela, Jean Carlo (Tomás Bastos), Marcelo (Schumacher) e Thomaz (Diego Cardoso);
Douglas Coutinho (Peixoto) e Ricardo Bueno (Jorge Jiménez).
Técnico: Matheus Costa
Náutico-PE
Halls;
Yago Rocha (Bryan), Ronaldo Alves, Rafael Ribeiro e Willian Simões;
Jhonnatan, Rhaldney, Jorge Henrique (Dudu), Jean Carlos (Marcos Vinícius) e Dadá (Ruy);
Kieza.
Técnico: Gilson Kleina