América-MG 1 x 1 Operário - Coelhão bobeia no apagar das luzes...

O duelo, que abriu a terceira rodada da Série B do Brasileiro, foi disputado na Arena Independência, em Belo Horizonte (MG)

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 14 (AFI) - Em confronto direto pelas primeiras colocações da tabela de classificação do Campeonato Brasileiro da Série B, o América Mineiro dominou o Operário Ferroviário na maior parte do confronto e ia vencendo até o finalzinho, mas empatou por 1 a 1. O duelo, que abriu a terceira rodada, foi disputado no Independência, em Belo Horizonte (MG).

Espaço incorporado por HTML (embed)

Com o resultado, os donos da casa foram aos quatro pontos, um a menos do que os visitantes, que seguem invictos. Cabe destacar que o único time a ter vencido as duas primeiras partidas e chegar aos seis pontos foi o Juventude. O Cruzeiro até venceu ambas, mas começou a Série B com -6 por conta de punição imposta pela FIFA. Portanto, está zerado.

Foto: Divulgação - Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

PRIMEIRO TEMPO
Atuando dentro de casa, o América partiu para cima desde o começo. Com alguns segundos, Felipe Augusto desceu bem e cruzou rasteiro, buscando Rodolfo, que não conseguiu desviar para dentro. Já aos nove minutos, Matheusinho furou a defesa com ótimo passe para Juninho, que driblou Rodrigo Viana e tocou para o fundo do barbante.

O ritmo americano seguiu intenso. Aos 13, Rodolfo fez jogada individual e experimentou finalização. A bola desviou no meio do caminho, mas Rodrigo Viana conseguiu fazer a defesa. Aos 17, o atacante voltou a arriscar. De novo, o goleiro fez importante intervenção. O Operário respondeu aos 36. Matheus Cavichioli salvou em cabeçada de Marcelo.

SEGUNDO TEMPO
A etapa final foi diferente da primeira metade da partida. Mesmo sem alterações no intervalo do jogo, o Operário Ferroviário conseguiu equilibrar as ações e não ser tão ameaçado nos últimos 45 minutos do duelo no Independência.

Foto: Divulgação - Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O América só ameaçou aos 12, quando Felipe Augusto fez boa ação e passou para Rodolfo, que bateu forte e parou em Rodrigo Viana.

Os visitantes, por outro lado, pouco forçaram, mas chegaram ao empate em toque de Julinho após cruzamento de Reniê e desvio de Batatinha, praticamente no último lance.



LISCA NÃO GOSTOU NADA !


PRÓXIMOS JOGOS
O América Mineiro já volta a campo na segunda-feira, 17, quando, às 20h, enfrenta o Juventude, em Caxias do Sul (RS), no estádio Alfredo Jaconi. No dia seguinte, 18, o Operário Ferroviário recebe o CSA, às 19h15, em Ponta Grossa (PR), no Germano Krüger. Os duelos serão válidos pela quarta rodada.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
3ª rodada
Data
14/08/2020
Horário
19h15
Local
Indepêndencia - Belo Horizonte (MG)
Árbitro
Rodrigo Batista Raposo (DF)

Renda
-
Assistentes
Lucas Guerra (DF) e Kléber Alves (DF)

Público
Portões fechados
Cartões Amarelos
América-MG: Vitão
Operário-PR: Rafael Bonfim

Gols
América-MG: Juninho 10' 1T
Operário-PR: Julinho 48' 2T
América-MG
Matheus Cavichioli;
Diego Ferreira, Messias, Eduardo Bauermann e João Paulo (Anderson Jesus);
Zé Ricardo, Juninho e Alê (Geovane);
Matheusinho (Marcelo Toscano), Rodolfo (Sávio) e Felipe Augusto (Vitão).
Técnico: Lisca
Operário-PR
Rodrigo Viana;
Sávio (Lucas Batatinha), Bonfim, Ricardo Silva e Julinho;
Mazinho (Reniê), Marcelo, Tomas Bastos e Thomaz (Jean Carlo);
Douglas Coutinho (Bustamante) e Jefinho (Schumacher).
Técnico: Gerson Gusmão