Série B: Para entrar no G4, América-MG desafia retrospecto para vencer a Ponte Preta em BH

Histórico do confronto favorece ao time paulista, com nove vitórias, contra cinco do Coelho, além de seis empates

por Luiz Carlos Éden

Sorocaba, SP, 02 (AFI) - De olho no G4, o América-MG recebe a Ponte Preta na noite deste sábado, às 19 horas, no na Arena Independência, em Belo Horizonte (MG), duelo valido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, a segunda divisão nacional.

PELO SALDO NO G4
O Coelho está na quinta posição, com 48 pontos, três atrás do Atlético-GO, quarto colocado, que fecha a zona de acesso. Como o Atlético-GO já jogou e apenas empatou, fora de casa, com o Operário-PR por 1 a 1, o América precisa vencer para entrar no G4.

Vencendo a Ponte, o Coelho chegará a mesma pontuação do Rubro-negro goiano, 51 pontos, mas assumirá a quarta posição pelo critério de desempate, número de vitórias, 14 contra 13.

Ponte tenta se reabilitar da derrota para o Vitória
Ponte tenta se reabilitar da derrota para o Vitória

CHANCES REMOTAS
Do outro lado, a Macaca ainda com chances remotas de alcançar o G4, buscara os três pontos para continuar sonhando com acesso ao Brasileirão de 2020. O time campineiro ocupa o 11º lugar, com 41 pontos, dez pontos atrás do Atlético-GO, que fecha o G4.

Na rodada passada, o time mineiro empatou, fora de casa, com Atlético-GO por 2 a 2, enquanto que a Alvinegra campineira perdeu para o Vitória por 2 a 1, em casa.

RETROSPECTO DO DUELO
Este será o 21º confronto entre e América-MG e Ponte Preta, desde 1988. O retrospecto favorece ao time paulista. São nove vitórias pontepretanas, cinco do Coelho, além de seis empates.

No primeiro turno, com gol de Felipe Azevedo, aos 43 do segundo tempo, o América-MG venceu a equipe alvinegra por 1 a 0, em pleno estádio Moisés Lucarelli, na cidade de Campinas (SP), em jogo da 13ª rodada.

ERA A LANTERNA
Naquela oportunidade, o Coelho segurava a lanterna da Série B, com apenas sete pontos ganhos. A vitória sobre a Ponte, fora de casa, serviu como arrancada americana rumo a Série A. De lá pra cá, o Coelho jogou mais 18 partidas e somou 38 pontos, conquistou onze vitórias, cinco empates e sofreu apenas duas derrotas.