Guarani x Operário - Para afastar todos os Fantasmas... Até o da Série C!

Time do técnico Thiago Carpini, sem vencer há três jogos, entrará em campo pela 36ª rodada no 14º lugar com 41 pontos

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 15 (AFI) - O Guarani terá que mostrar que é um verdadeiro Caça Fantasmas neste sábado, às 16h30, no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

O Bugre terá pela frente o Operário, cujo apelido é Fantasma, e ainda tentará acabar com a chance remota de ser rebaixado na Série B do Campeonato Brasileiro, espantando os fantasmas da Série C.

O time do técnico Thiago Carpini, sem vencer há três jogos, entrará em campo pela 36ª rodada no 14º lugar com 41 pontos, seis a mais do que a zona de rebaixamento. O clube paranaense, enquanto isso, tem 49 pontos, já distante do G4 com 57.

Carpini buscará a recuperação. (Foto: Divulgação)
Carpini buscará a recuperação. (Foto: Divulgação)

JUNTINHOS!

A suspensão de Diego Giaretta em virtude do terceiro cartão amarelo abre brecha para a reedição da dupla Luiz Gustavo e Bruno Silva na zaga do Guarani. Luiz é titular absoluto do sistema defensivo campineiro desde a pausa para a Copa América, período em que foi emprestado pelo Cruz-Maltino.

Bruno, por sua vez, viveu imbróglio judicial junto ao clube carioca, o que impediu a participação no primeiro turno da Série B. Após dois meses longe do Brinco de Ouro, beque acertou retorno a Campinas e, aos poucos, cava seu espaço no time titular.

FANTASMA REFORÇADO!

O técnico Gerson Gusmão ganhou um reforço para a reta final do Operário. Recuperado de uma lesão no músculo posterior da coxa, o lateral-esquerdo Allan Vieira foi liberado pelo departamento médico e está à disposição depois de pouco de mais de um mês em tratamento.

Reforço para Gusmão. (Foto: Rener Pinheiro / CBF)
Reforço para Gusmão. (Foto: Rener Pinheiro / CBF)

Apesar do retorno, Gusmão segue sem contar com o zagueiro Edson Borges e o volante Gelson, ambos com problemas no joelho.

Outro zagueiro que ficou de fora contra o Braga foi Alisson, que cumpriu suspensão por ter recebido o terceiro cartão amarelo uma rodada antes, diante do Vila Nova. Novamente à disposição, ele deve entrar no time no lugar de Lázaro.

INÉDITO

O Operário, pela primeira vez na história, mede forças com o Guarani, no Brinco de Ouro da Princesa, um dos palcos mais emblemáticos do futebol brasileiro.

O clube de Ponta Grossa debuta no lado verde de Campinas após der derrotado, no primeiro turno, pela Ponte Preta, em maio, por 1 a 0, no Moisés Lucarelli.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
36ª rodada
Data
16/11/2019
Horário
16h30
Local
Brinco de Ouro - Campinas (SP)
Árbitro
Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)

Renda
R$ 33.790,00
Assistentes
Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ) e Lilian da Silva Fernandes Bruno (RJ)

Público
2.961 total
Cartões Amarelos
Guarani-SP: Lenon, Marcelo, Arthur
Operário-PR: Jardel, Lucas Batatinha, Rodrigo, Rafael Chorão

Cartões Vermelhos
Guarani-SP: Marcelo
Gols
Guarani-SP: Diego Cardoso 33' 1T
Guarani-SP
Jefferson Paulino;
Lenon, Bruno Silva, Luiz Gustavo e Thallyson;
Marcelo, Rondinelly (Ricardinho), Arthur e Lucas Crispim;
Diego Cardoso (Nando) e Davó (Deivid).
Técnico: Thiago Carpini
Operário-PR
Rodrigo Viana (André Luiz);
Maílton (Eduardo), Alisson, Rodrigo e Allan Vieira;
Jardel, Índio (Felipe Alves), Marcelo e Rafael Chorão;
Felipe Augusto e Lucas Batatinha.
Técnico: Gerson Gusmão