Vila Nova 1 x 1 Criciúma - Carvoeiro busca empate, mas segue na degola da Série B

O resultado foi melhor para o time goiano, mas não nos olhares dos torcedores, que acabaram vaiando

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 01 (AFI) - Em duelo direto contra o rebaixamento, Vila Nova e Criciúma ficaram no empate por 1 a 1 na noite desta terça-feira, no estádio Serra Dourada, pela 26ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar de jogar em casa, o time goiano recebeu melhor o resultado, já que continua fora da zona da degola.

Com o resultado, o Vila Nova termina o dia na 15ª colocação, com 29 pontos, dois a mais do que o Criciúma, time que abre a zona de rebaixamento. O time catarinense ainda pode ser ultrapassado por Vitória, 25, e São bento, 24.

DEU SONO
O primeiro tempo traduziu bem o poder ofensivo de ambas as equipes na Série B do Campeonato Brasileiro. Eles têm os piores ataques e ficou evidente no confronto. Após 21 minutos de pouca criação, o Criciúma foi chegar com Marlon. O lateral invadiu a área e chutou para a defesa de Rafael Santos.

Depois do susto, o Vila Nova acordou e respondeu em um cruzamento dentro da área. Sandro desviou e quase jogou contra o próprio gol. A bola bateu na trave. Com dificuldade para infiltrar, o time goiano começou a arriscar de longe. Em chute de fora da área de Alan Mineiro, Luiz ficou com a bola.

Os minutos finais também foram de pouca empolgação, com exceção de uma tentativa de calcanhar de Léo Gamalho, que Rafael Santos defendeu e assegurou o placar em 0 a 0.

Vila Nova e Criciúma empatam por 1 a 1. Foto: J Eder
Vila Nova e Criciúma empatam por 1 a 1. Foto: J Eder
MELHOROU
O panorama do segundo tempo foi diferente. Precisando da vitória, ambos os times se atiraram ao ataque. O Vila Nova começou melhor e abriu o placar aos cinco minutos. Após cobrança de escanteio de Alan Mineiro, Wesley Matos subiu sozinho para fazer 1 a 0. Mas a resposta foi imediata. Aos dez, Thales aproveitou a cobrança de falta para desviar e deixar tudo igual.

O jogo continuou quente, mas as falhas começaram a aparecer. Sandro apareceu sozinho dentro da área do Vila Nova e cabeceou para fora. Pelo lado do Vila Nova, quem chegou com perigo foi Alan Mineiro. O meia recebeu livre de marcação e tentou de primeira. A bola ficou em cima da defesa.

Os times caíram de produção no final do segundo tempo. O Vila esboçou uma pressão, mas pouca para sair com a vitória. A última chance veio em lance semelhante da do gol. Alan Mineiro lançou e Wesley Matos mandou, de cabeça, para fora.

PRÓXIMOS JOGOS
Na próxima rodada, o Vila Nova visita o São Bento na segunda-feira, às 20h, no estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP). Na terça-feira, às 20h30, o Criciúma recebe o Brasil no Heriberto Hülse, em Criciúma (SC).

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
26ª rodada
Data
01/10/2019
Horário
19h15
Local
Serra Dourada - Goiânia (GO)
Árbitro
Denis da Silva Ribeiro Serafim (AL)

Renda
R$ 23.370,00
Assistentes
Esdras Mariano de Lima Albuquerque (AL) e Rondinelle dos Santos Tavares (AL)

Público
4.074 pagantes
Cartões Amarelos
Vila Nova-GO: Wesley Matos, Jeferson, Maílson
Criciúma-SC: Eduardo, Andrew

Gols
Vila Nova-GO: Wesley Matos 4' 2T
Criciúma-SC: Talles 8' 2T
Vila Nova-GO
Rafael Santos;
Jeferson, Wesley Matos, Patrick e Gastón Filgueira;
Edinho, Ramon, Alan Mineiro e Diego Rosa (Robinho);
Mailson (Benítez) e Bruno Mezenga (Gustavo Henrique).
Técnico: Marcelo Cabo.
Criciúma-SC
Luiz;
Carlos Eduardo, Sandro, Thales e Marlon;
Eduardo, Foguinho, Wesley e Daniel Costa (Reis);
Vinícius (Andrew) e Léo Gamalho (Reinaldo)
Técnico: Roberto Cavalo.