Figueirense 0 x 1 Ponte Preta - Lei do Ex coloca Macaca no G4 da Série B

Diego Renan, que defendeu o Figueira no ano passado, marcou o único gol da partida

por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 15 (AFI) - A Ponte Preta não fez uma boa partida na noite desta quinta-feira, mas soube aproveitar a fragilidade emocional do Figueirense para vencer por 1 a 0, em pleno Orlando Scarpelli, e retornar ao G4 da Série B do Brasileiro. O duelo foi válido pela 16ª rodada.

O único gol da partida foi marcado aos 31 minutos do primeiro tempo por Diego Renan, que defendeu o Figueirense no ano passado.

Essa foi a segunda vitória seguida da Ponte Preta, que chegou aos 26 pontos e assumiu provisoriamente a quarta colocação. Por outro lado, o Figueirense chegou ao sétimo jogo sem vitória e estacionou nos 20, em 12º lugar.

CONFIRA OS MELHORES MOMENTOS DO JOGO !


PRIMEIRO TEMPO
A partida começou morna no Orlando Scarpelli, com o Figueirense tendo mais posse de bola, mas sendo pouco efetivo. Tanto que a Ponte Preta foi quem criou o primeiro lance de perigo. Aos sete, Tiago Marques e Camilo chegaram atrasados após cruzamento rasteiro de Henrique Trevisan.

Em uma das poucas jogadas lúcidas do primeiro tempo, a Macaca abriu o placar aos 31 minutos.

Henrique Trevisan tabelou com Washington e cruzou rasteiro. Diego Renan chegou batendo de primeira sem chances para Matheus Vidotto.

A Ponte Preta assumiu a quarta colocação de forma provisória ao vencer o Figueirense (Foto: Matheus Dias/FFC)
A Ponte Preta assumiu a quarta colocação de forma provisória ao vencer o Figueirense (Foto: Matheus Dias/FFC)

SENTIU O GOL

O Figueirense sentiu o gol pontepretano, tanto que só foi esboçar uma pressão nos acréscimos. E o empate quase saiu aos 47 minutos.

Rafael Marques desviou de cabeça cruzamento vindo da direita e a bola passou raspando a trave de Ivan.

SEGUNDO TEMPO
Logo no primeiro minuto do segundo tempo, a Ponte Preta teve duas chances claras de ampliar.

Matheus Vargas pegou rebote de primeira e exigiu boa defesa de Elisson, que entrou no lugar de Matheus Vidotto. Na sequência, Diego Renan cruzou rasteiro e quase a zaga faz gol contra.

A resposta do Figueirense veio em chute de Renan Teixeira por cima do travessão de Ivan. A torcida presente no Orlando Scarpelli já começava a perder a paciência com a falta de atitude do time de Vinícius Eutrópio, que não conseguia sair da marcação.

Buscando matar o jogo no contra-ataque, a Macaca recuou e passou a chamar o Figueirense, deixando a partida perigosa. Aos 36, Alemão desviou de cabeça e a bola passou raspando a trave de Ivan. Depois foi a vez de Zé Antônio e William Popp assustarem.

PRÓXIMOS JOGOS
O Figueirense volta a campo na terça-feira, contra o Cuiabá, às 21h30, na Arena Pantanal, em Cuiabá, enquanto a Ponte Preta recebe o CRB na quarta, também às 21h30, no Moisés Lucarelli, em Campinas. As partidas são válidas pela 17ª rodada, a antepenúltima do primeiro turno.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
16ª rodada
Data
15/08/2019
Horário
21h30
Local
Orlando Scarpelli - Florianópolis (SC)
Árbitro
Marcos Mateus Pereira (MS)

Renda
R$ 41.580,00
Assistentes
Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Daiane Caroline Muniz dos Santos (MS)

Público
2.395 pagantes
Cartões Amarelos
Figueirense-SC: Alemão, Elisson
Ponte Preta-SP: Henrique Trevisan, Camilo, Ivan, João Carlos

Cartões Vermelhos
Figueirense-SC: Matheus Lucas
Gols
Ponte Preta-SP: Diego Renan 31' 1T
Figueirense-SC
Matheus Vidotto (Elisson);
Alemão Teixeira, Alemão, Ruan Renato e Roberto;
Zé Antônio, Tony e Betinho (Juninho);
Fellipe Mateus (Matheus Lucas), Rafael Marques e Willian Popp.
Técnico: Vinícius Eutrópio
Ponte Preta-SP
Ivan;
Diego Renan, Airton, Reginaldo e Trevisan;
Washington, Camilo, Gerson Magrão e Matheus Vargas (Dadá);
Marquinhos (Tiago Real) e Tiago Marques (João Carlos).
Técnico: Jorginho.