Coritiba 0 x 2 Guarani - Bugre faz as pazes com a vitória e ainda sonha

Por outro lado, o Coxa só vai cumprir tabela na reta final do campeonato

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 03 (AFI) - O Guarani finalmente fez as pazes com a vitória no Campeonato Brasileiro da Série B. Na noite deste sábado, o time campineiro fez uma partida sólida e venceu o Coritiba, por 2 a 0, em pleno Couto Pereira, pela 34ª rodada. O resultado mantém acesa a chama do acesso.

Ao encerrar o jejum de cinco jogos sem vitória, o Guarani chegou aos 49 pontos e segue na nona colocação. A diferença para o G4 é de cinco. Por outro lado, o Coritiba estacionou nos 46 e, em décimo lugar, apenas cumpre tabela na reta final do campeonato.

BUGRE NA FRENTE

Sem grandes pretensões dentro do campeonato, os dois times entraram leves em campo, o que deixou a partida bastante movimentada. Fabrício fez Rafael Martins trabalhar em cobrança de falta. A resposta do Coritiba veio com Rafael Lima. O zagueiro tentou dominar e só não marcou sem querer porque Agenor foi buscar no cantinho.

Aos 20, Denner foi derrubado dentro da área e a bola sobrou para Matheus Anjos, que finalizou rasteiro e exigiu grande defesa de Rafael Martins. No lance seguinte, Ricardinho ficou com a sobra e soltou a bomba de fora da área. A bola passou raspando a trave.

O Guarani jogou bem e venceu o Coritiba mesmo no Couto Pereira
O Guarani jogou bem e venceu o Coritiba mesmo no Couto Pereira

Melhor em campo, o Bugre abriu o placar aos 30 minutos. Denner cruzou rasteiro e Gabriel Poveda concluiu com precisão no ângulo de Rafael Martins. E, busca do empate, o Coritiba ainda acertou o travessão de Agenor em cabeçada de Alan Costa.

FECHOU O CAIXÃO
O Coritiba voltou do intervalo com uma postura mais ofensiva e o empate quase veio aos seis minutos. Guilherme aproveitou longo lançamento e ganhou de Agenor, mas perdeu o ângulo. Mesmo assim, o atacante finalizou rasteiro, a bola desviou em Fabrício e saiu rente a trave.

No entanto, quem voltou a marcar foi o Guarani. Aos 18 minutos, Jeferson Nem passou como quis por Rafael Lima e bateu na saída de Rafael Martins. Entregue em campo, o Coritiba desanimou e muitos torcedores começaram a deixar o Couto Pereira. Quem ficou, passou a gritar "olé" a cada toque de bola bugrino.

PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a campo na terça-feira, pela 35ª rodada. O Coritiba encara o São Bento, às 20h30, no Walter Ribeiro, em Sorocaba, enquanto o Guarani vai até Florianópolis enfrentar o Figueirense, às 21h30, no Orlando Scarpelli.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
34ª rodada
Data
03/11/2018
Horário
19h30
Local
Couto Pereira - Curitiba (PR)
Árbitro
Gilberto Rodrigues Castro Junior (PE)

Renda
R$ 42.196,00
Assistentes
Francisco Chaves Bezerra Junior-PE e Bruno César Chaves Vieira-PE

Público
2.451 pagantes
Cartões Amarelos
Coritiba-PR: Vitor Carvalho, Rafael Lima
Guarani-SP: Matheus Anjos, Fabrício

Cartões Vermelhos
Coritiba-PR: Guilherme
Gols
Guarani-SP: Gabriel Poveda 30' 1T, Jeferson Nem 18' 2T
Coritiba-PR
Rafael Martins;
Leandro Silva, Rafael Lima, Alan Costa e Abner;
Vitor Carvalho, Wellington Simião (Vinicius Kiss), Jean Carlos (Alisson Farias) e Yan Sasse (Chiquinho);
Guilherme e Alecsandro.
Técnico: Argel Fucks
Guarani-SP
Agenor;
Kevin, Philipe Maia, Fabrício e Romário;
Willian Oliveira, Ricardinho, Denner (Fabrício Bigode), Jefferson Nem e Matheus Anjos (Rafael Longuine);
Gabriel Poveda (Caíque).
Técnico: Umberto Louzer
 
 
" />