Ponte Preta 0 x 1 Paysandu - Falha bisonha dá primeira derrota da Macaca na Série B

O zagueiro Renan Fonseca errou no gol que originou o gol de Cassiano logo aos três minutos de jogo

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 14 (AFI) - A Ponte Preta não começou bem o Campeonato Brasileiro da Série B. Na noite deste sábado, o time campineiro sofreu um gol logo aos três minutos depois de uma falha do sistema defensivo e acabou perdendo para o Paysandu, por 1 a 0, no Estádio Moisés Lucarelli.

O resultado coloca o Paysandu entre os primeiros colocados, com os mesmos três pontos de outros oito times. Por outro lado, a Ponte Preta, que cumpriu o primeiro dos seis jogos de suspensão com os portões fechados, segue zerada.

A partida foi transmitida pela Rádio Futebol Interior, com narração de Carlos Corsato, comentários de Luis Fabiani, reportagens de Wendel Coral e Fernando César no placar ao vivo. Teve também transmissão da TV Futebol Interior, que tem Giovani Paiola na coordenação.

PRIMEIRO TEMPO
O Paysandu precisou de apenas três minutos para abrir o placar no Moisés Lucarelli depois de uma falha bizarra do sistema defensivo pontepretano. Após cruzamento rasteiro, Renan Fonseca dominou mal e ficou na indecisão com Reynaldo. Cassiano se aproveitou e finalizou rasteiro por baixo de Ivan.

A Ponte Preta abusou da bola aérea, mas a zaga do Paysandu acabou levando a melhor (Foto: Fábio Leoni/Ponte Press)
A Ponte Preta abusou da bola aérea, mas a zaga do Paysandu acabou levando a melhor (Foto: Fábio Leoni/Ponte Press)

O nervosismo bateu no time campineiro, que tinha mais posse de bola, mas errava muitos passes, principalmente diante de um adversário bem postado e que procurava explorar o contra-ataque. Quase que Renan Fonseca se redimiu do erro aos 24 minutos. Orinho cobrou falta na primeira trave e o zagueiro desviou de cabeça com muito perigo.

Na sequência, Perema falhou na hora de tentar tirar e a bola caiu nos pés que Júnior Santos. Dentro da pequena área, o camisa 9 soltou a bomba em cima de Renan Rocha, que saiu fechando muito bem o ângulo. A Macaca encontrava muitas dificuldades para entrar na área adversária. Aos 46, Paulinho chutou forte e o goleiro espalmou para escanteio.

SEGUNDO TEMPO
A Ponte Preta voltou do intervalo com o meia Murilo no lugar do zagueiro Reynaldo. No entanto, o time seguia tendo muitas dificuldades para sair tocando a bola devido a marcação sob pressão do Paysandu. Aos 16 minutos, Orinho arriscou de fora da área e Renan Rocha fez a defesa em dois tempos.

Após marcar logo no início, a defesa do Paysandu se defendeu muito bem (Foto: Fábio Leoni/Ponte Press)
Após marcar logo no início, a defesa do Paysandu se defendeu muito bem (Foto: Fábio Leoni/Ponte Press)

Na sequência, Cassiano recebeu passe livre de marcação depois de mais uma falha de Renan Fonseca e bateu cruzado. A bola passou raspando a trave. A Macaca respondeu aos 25. André Luis ficou com a sobra dentro da área, deixou dois marcadores no chão e bateu rasteiro para defesa do goleiro.

Aos 31, Diego Ivo na tentativa de tirar quase mandou contra o próprio gol. O goleiro Renan Rocha apenas observou a bola sair pela linha de fundo. A Macaca se lançou toda ao ataque nos minutos finais e abusou dos cruzamentos para dentro da área. Já nos acréscimos, Felippe Cardoso desviou de cabeça e a bola bateu na trave antes de sair.

PRÓXIMOS JOGOS
A Ponte Preta volta a campo pela segunda rodada da Série B no próximo sábado, contra o Criciúma, às 19 horas, no Heriberto Hülse, em Criciúma. Na sexta-feira, o Paysandu recebe o Londrina, às 21h30, no Mangueirão, em Belém.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
1ª rodada
Data
14/04/2018
Horário
21h00
Local
Moisés Lucarelli - Campinas (SP)
Árbitro
Pericles Bassols Pegado Cortez (PE)

Assistentes
Clovis Amaral da Silva (PE) e Cleberson do Nascimento Leite (PE)

Cartões Amarelos
Ponte Preta-SP: Nathan
Paysandu-PA: Mateus Muller, Renan Rocha

Gols
Paysandu-PA: Cassiano 3' 1T
Ponte Preta-SP
Ivan;
Tony, Renan Fonseca, Reynaldo (Murilo) e Marciel (Felippe Cardoso);
Nathan, Paulinho e Léo Mineiro;
Orinho, Felipe Saraiva (André Luis) e Junior Santos.
Técnico: Doriva.
Paysandu-PA
Renan Rocha;
Perema, Diego Ivo, Edimar e Matheus Müller;
Nando Carandina, Danilo Pires (Matheus Silva) e Pedro Carmona (Willyam);
Moisés (Magno), Mike e Cassiano.
Técnico: Dado Cavalcanti.
 
 
" />