Figueirense 2 x 1 Juventude - Furacão mantém o embalo e estreia com o pé direito

O clube catarinense entrou em campo animado pelo título estadual, mas caiu de rendimento no segundo tempo e quase leva o empate

por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 13 (AFI) - Campeão catarinense, o Figueirense manteve o embalo e estreou com o pé direito no Campeonato Brasileiro da Série B ao vencer o Juventude na noite desta sexta-feira, por 2 a 1, no Orlando Scarpelli.

Os primeiros três pontos do Figueirense vieram com gols de Zé Antônio e Gustavo Ferrareis, ambos no primeiro tempo. Mas a vitória quase escapou depois do intervalo, quando o Juventude foi melhor e diminuiu através de Guilherme Queiroz. A reação gaúcha, porém, terminou por aí.

PRIMEIRO TEMPO

Jogando em casa, o Figueirense começou a partida em cima do Juventude e criou boa oportunidade logo aos oito, mas Jorge Henrique dominou mal cruzamento rasteiro e depois passou errado. Ele ia sair na cara de Matheus Cavichioli. Aos 17 minutos, porém, não teve jeito. Diego Renan cobrou escanteio e a bola caiu nos pés de Zé Antônio, que dominou e chutou.

Figueirense estreia na Série B com o pé direito diante do Juventude (Foto: Luiz Henrique/Figueirense)
Figueirense estreia na Série B com o pé direito diante do Juventude (Foto: Luiz Henrique/Figueirense)

No lance seguinte, Leandro Lima arriscou de fora da área e Denis rebateu. O Juventude melhorou com o gol tomado e passou a frequentar mais o campo de ataque. César Martins recebeu do lado direito e fez o cruzamento rasteiro para Ricardo Jesus, que chegou um pouco atrasado. Quando o Ju parecia mais perto do empate, o Figueira voltou a balançar as redes.

Renan Mota fez boa jogada individual e deu um lindo lançamento para Gustavo Ferrareis, que tocou de cabeça na saída de Matheus Cavichioli. O lance deixou o Juventude bastante nervoso, tanto que o lateral-direito Pará e o volante Bertotto foram amarelados na sequência. No finalzinho, Bertotto tentou cortar cruzamento e quase marcou gol contra.

SEGUNDO TEMPO
A etapa começou morna, tanto que o Juventude assustou aos oito minutos através de um lance sem querer. Fellipe Mateus cruzou fechado e quase enganou o goleiro Denis. O Figueirense procurava controlar a posse da bola esperando o tempo passar. Para dar um ânimo novo, o técnico Milton Cruz colocou Henan no lugar de André Luis.

Aos 21 minutos, Felipe Lima cruzou e Bertotto cabeceou por cima do travessão. Mesmo perdendo por 2 a 0, o técnico Julinho Camargo não realizava mudanças. A primeira alteração veio apenas aos 25 minutos do segundo tempo com a entrada de Caio Rangel no lugar de Felipe Lima. Fellipe Mateus bateu colocado e Denis fez boa defesa.

O recuo do Figueirense custou caro. Aos 32, Felipe Mattioni recebeu de Jair e cruzou rasteiro para trás. Guilherme Queiroz bateu de primeira e a bola ainda tocou na trave antes de entrar. Nos minutos finais,

PRÓXIMOS JOGOS
O Figueirense volta a campo no próximo sábado, contra o Goiás, às 16h30, no Serra Dourada, em Goiânia, enquanto o Juventude recebe o Oeste na sexta-feira, às 19h15, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul. Os jogos são válidos pela segunda rodada.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
1ª rodada
Data
13/04/2018
Horário
21h30
Local
Orlando Scarpelli - Florianópolis (SC)
Árbitro
Paulo Roberto Alves Júnior (PR)

Renda
R$ 65.438,00
Assistentes
Luiz Souza Santos Renesto (PR) e Daniel Cotrim de Carvalho (PR)

Público
3.131 total
Cartões Amarelos
Figueirense-SC: Jorge Henrique, Betinho, Nogueira
Juventude-RS: Bertotto, Pará

Gols
Figueirense-SC: Zé Antônio 17' 1T, Gustavo Ferrareis 34' 1T
Juventude-RS: Guilherme Queiroz 32' 2T
Figueirense-SC
Denis;
Diego Renan, Nogueira, Eduardo Bauermann e Guilherme Lazaroni;
Zé Antônio, Betinho, Gustavo Ferrareis, Jorge Henrique e Renan Mota (Cedrón);
André Luís (Henan).
Técnico: Milton Cruz.
Juventude-RS
Matheus Cavichioli;
Felipe Mattioni, Fred, César Martins e Pará;
Bertotto, Jair, Fellipe Matheus, Leandro Lima e Felipe Lima (Caio Rangel);
Ricardo Jesus (Guilherme Queiroz).
Técnico: Julinho Camargo.