Paraná 1 x 1 Ceará - Vozão segue "virgem", mas continua no G4!

Time cearense continua com o tabu de nunca ter vencido o Paraná atuando em Curitiba

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 30 (AFI) – O Ceará continua com o tabu de nunca ter vencido o Paraná atuando em Curitiba. Em jogo equilibrado, os dois times empataram, por 1 a 1, na noite deste sábado, no estádio Durival de Britto. O duelo foi válido pela 18.ª e penúltima rodada do turno do Campeonato Brasileiro da Série B.

Este foi o nono duelo entre os dois times na capital paranaense, com três vitórias do Paraná e seis empates. O resultado, porém, foi melhor para os cearenses, que seguem tranquilos no G4, com 34 pontos, na vice-liderança. Os donos da casa chegam ao quarto jogo sem vitórias, com três empates e uma derrota. De quebra, ocupam a oitava posição, com 26 pontos.

AÇÃO E REAÇÃO!
A partida começou com os dois times se estudando. O Paraná, apesar de ser mandante, optou por uma formação mais cautelosa no início. Tanto que a primeira chegada foi do Ceará e com direito a gol. Aos 14 minutos, o meia Wescley tocou para o atacante William Henrique na área. Mesmo após escorregar, ele conseguiu bater cruzado sem chances para o goleiro Marcos.

Após sair em desvantagem, o Tricolor se lançou ao ataque em busca do empate. O atacante Robson teve uma ótima oportunidade de marcar aos 21 minutos. Depois de um cruzamento rasteiro pelo lado direito, ele bateu de primeira, mas nas mãos do goleiro Éverson.

O Vozão até tentou responder em algumas finalizações de William Henrique, que era seu jogador mais perigoso, mas sem sucesso. Melhor para os paranistas que deixaram tudo igual aos 30 minutos. Robson recebeu na área e finalizou. A bola desviou no marcador e enganou Éverson.

A partida ganhou emoção no final. O time visitante quase chegou ao segundo aos 36 minutos. O atacante Rafael Costa deixou Wescley sozinho, mas ele mandou fraco sobre o goleiro e a bola saiu. A resposta saiu aos 39. Robson tocou para o atacante Lúcio Flávio, que concluiu para grande defesa de Éverson.

Atacante Lúcio Flávio finaliza a gol contra o Ceará. Foto: Parana Clube Oficial
Atacante Lúcio Flávio finaliza a gol contra o Ceará. Foto: Parana Clube Oficial

NADA DE GOLS
O segundo tempo foi tão movimentado como o final do primeiro. Antes dos dez minutos, cada time havia chegado com perigo uma vez. Aos seis, William Henrique fez bela jogada individual pela direita, deixou o zagueiro na saudade e bateu para boa defesa de Marcos. Aos dez, Lúcio Flávio recebeu na pequena área, mas mandou em cima de Éverson.

O jogo continuou lá e cá nos lances seguintes. As chances continuaram saindo. Aos 17 minutos, o meia Felipe fez boa jogada para o Ceará. Ele cortou o marcador e finalizou da meia-lua. A bola saiu tirando tinta da trave esquerda do goleiro. Aos 23, foi o Paraná que chegou. O atacante Nadson saiu na cara do gol, mas foi desarmado por Éverson. No rebote, ele cruzou, mas a bola saiu para escanteio.

Com o passar do tempo, a impaciência tomou conta das arquibancadas da Vila Capanema. A insatisfação dos torcedores influenciou nos paranistas em campo e o time passou a encontrar mais dificuldades para criar. A única boa chance, Robson chutou de longe e o goleiro salvou de novo.

PRÓXIMOS JOGOS
Na próxima terça-feira, às 21h30, o Paraná volta a campo para enfrentar o Tupi, no estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora. Enquanto isso, o Ceará recebe o Vasco, no mesmo dia e horário, na Arena Castelão, em Fortaleza.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
18ª rodada
Data
30/07/2016
Horário
19h00
Local
Durival Britto - Curitiba (PR)
Árbitro
Vinícius Furlan (SP)

Renda
R$ 64.695,00
Assistentes
Fabrício Porfírio de Moura (SP) e Leandro Matos Feitosa (SP)

Público
2.948 pagantes (3.759 torcedores)
Cartões Amarelos
Paraná-PR: Murilo Rangel, Alisson
Ceará-CE: Ewerton Páscoa, Serginho

Gols
Paraná-PR: Robson 30' 1T
Ceará-CE: William Henrique 14' 1T
Paraná-PR
Marcos;
Diego Tavares, Leandro Silva, Alisson e Henrique Gelain;
Basso, Jean e Murilo Rangel (Guga);
Nadson (Marcelinho), Robson e Lúcio Flávio (Henrique)
Técnico: Marcelo Martelotte.
Ceará-CE
Éverson;
Tiago Cametá, Ewerton Páscoa (Sandro), Valdo e Thallyson;
Diego Felipe, Richardson, Wescley (Baraka) e Felipe;
Rafael Costa (Serginho) e William Henrique
Técnico: Sérgio Soares.